Notícias

‘Godzila’ é morto a facadas na Praça Sete, no Centro de Belo Horizonte 

Por Redação , 19/02/2020 às 07:12
atualizado em: 19/02/2020 às 07:40

Texto:

Foto: Reprodução
Reprodução

Uma briga entre hippies terminou em morte na Praça Sete, no Centro de Belo Horizonte, na madrugada desta quarta-feira. Segundo a Polícia Militar (PM), a vítima é um homem, cujo primeiro nome é Jeferson, conhecido pelo apelido de Godzila.  

Conforme a PM, Godzila, de 41 anos, conversava com uma mulher quando Douglas Tavares Ramos, 27 anos, o Namã, pegou um tchako (arma de artes marciais) que estava na bolsa de Godzila.    

Douglas e Godzila começaram a brigar.  Em determinado momento da confusão, uma mulher aparece e acerta um golpe na cabeça da vítima. Na sequência, pega uma faca e dá vários golpes em Godzila. Tudo foi filmado por câmeras de segurança da região.

Bastante ferido, Jeferson procurou ajuda e morreu no hospital Pronto-Socorro João XXIII. A PM tinha o endereço dos suspeitos e foi até Contagem. Douglas Tavares Ramos e Graziele Ruela Batista, de 39 anos, foram localizados no bairro Tijuco e assumiram o crime.

Violência 

A noite de terça-feira (18) e a madrugada desta quarta podem ser consideradas violentas na Grande BH, com pelo menos cinco homicídios registrados. Além do caso da Praça Sete, a capital registrou mais dois assassinatos: nos bairros Dom Joaquim, na região Nordeste, e União, lado Oeste.

Mais dois crimes foram registrados em Contagem. Um corpo não identificado foi encontrado dentro de um carro também queimado na rua Araras, bairro Solar da Madeira. 

Em outra ocorrência, uma mulher foi assassinada dentro de casa, no bairro Bandeirantes. Tatiane Paula de Aquino, 39 anos, tinha muitos ferimentos na cabeça. A suspeita é de crime passional. Um bebê foi encontrado na residência sem nenhum tipo de ferimento.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    "A família me procurou no início do mês, estava preocupada por ele estar sem advogado", explicou o advogado #itatiaia

    Acessar Link