Notícias

Cruzeiro e Dedé chegam a acordo na Justiça, e zagueiro está livre no mercado

Atleta não atua desde outubro de 2019, quando lesionou o joelho

Por Com informações de Samuel Venâncio, 01/07/2021 às 09:44
atualizado em: 01/07/2021 às 18:25

Texto:

Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro
Vinnicius Silva/Cruzeiro

Após longa briga na Justiça, Cruzeiro e Dedé chegaram a um acordo. Com isso, o zagueiro, de 33 anos, que possuía vínculo com o clube até o fim deste ano, está livre no mercado para acertar com outra equipe. A informação foi divulgada inicialmente pelo portal Superesportes e confirmada pela Rádio Itatiaia.

O processo segue em segredo de Justiça, mas, pelo valor das custas processuais, é possível calcular que o acordo é de R$ 16,6 milhões A reportagem apurou que o Cruzeiro deve pagar a quantia dividida em parcelas, a partir de 2022.

O valor é inferior ao pedido por Dedé na ação ajuizada na Justiça do Trabalho. O processo tinha como valor de causa mais de R$ 35 milhões. O defensor solicitava a rescisão do contrato e alegando salários em atraso e falta de depósito do FGTS. A extensa lista somava outros pedidos, incluindo dano moral.

O jogador passou por cirurgia no joelho esquerdo no começo de 2020, após tentar tratamento convencional desde outubro de 2019. Desde então, ele não atuou mais pelo Cruzeiro.

Dedé no Cruzeiro

Títulos e lesões marcaram a passagem do defensor pela Raposa. Ele foi contratado em 2013, junto ao Vasco, e faturou os bicampeonatos do Brasileirão (2013 e 2014) e da Copa do Brasil (2017 e 2018). Também conquistou três estaduais (2014, 2018 e 2019). Foram 188 jogos com a camisa celeste e 15 gols marcados.

A luta contra lesões começou a ser travada em novembro de 2014. Diante do Santos, na Vila Belmiro, rompeu o ligamento do joelho no dia 6 de novembro e ficou 14 meses em recuperação.

Só voltou a jogar em janeiro de 2016. Um mês depois, novas dores no joelho direito e foi identificada fratura na patela. Mais uma cirurgia foi feita e mais 13 meses sem jogar. Retornou em março de 2017, mas foram poucas partidas e desta vez o joelho esquerdo que incomodou. O problema agora era um edema ósseo. Dedé passou por mais um procedimento cirúrgico e ficou mais 11 meses fora dos gramados. Voltou a atuar em fevereiro de 2018 e teve participação importante no título da Copa do Brasil daquele ano.

Na reta final de 2019, no duelo contra o Corinthians, na Arena Corinthians, dia 19 de outubro, Dedé reclamou de dores no joelho direito e não atuou mais. Fez tratamento conservador, decidiu operar fora do clube e fez trabalhos à parte. O staff do atleta garante que ele tem condição de voltar a jogar.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Partida acontece nesta terça-feira (7), às 11h. No jogo de ida, times empataram por 0 a 0. #Itatiaia https://www.itatiaia.com.br/noticia/galo-x-bragantino-fazem-final-do-bras...

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Militares do Corpo de Bombeiros também atuam, nesta segunda-feira (6), para evitar reignição no Parque das Mangabeiras, em BH. #Itatiaia https://www.itatiaia.com.br/noticia/s...

    Acessar Link