Notícias

Covid-19: ocupação dos leitos de UTI volta ao alerta amarelo em BH após mais de dois meses no nível verde

A última vez que o indicador apareceu na faixa amarela foi em 25 de agosto, quando estava em queda e registrou 50,8%

Por Redação, 09/11/2021 às 15:30
atualizado em: 09/11/2021 às 15:42

Texto:

Foto: Rovena Rosa / Agência Brasil
Rovena Rosa / Agência Brasil

Após mais de dois meses no nível verde, a taxa de ocupação de leitos de UTIs para pacientes com covid-19 voltou ao alerta amarelo em Belo Horizonte, nesta terça-feira (09). O indicador subiu de 49,6% para 50,8%. Os dados constam no boletim epidemiológico e assistencial da prefeitura atualizado diariamente.

A última vez que o indicador apareceu na faixa amarela foi em 25 de agosto, quando estava em queda e registrou 50,8%. 

O RT, índice que mede a velocidade de transmissão da covid-19 na capital mineira registrou queda nos últimos dias e está em estabilidade desde o boletim dessa segunda-feira (08), em 0,87%, no nível verde.

Isso significa que cada grupo de 100 infectados tem repassado a doença para 87 pessoas. O ideal, segundo especialistas, é que o RT fique sempre abaixo de 1.

A ocupação de leitos de enfermaria para pacientes com a doença também segue em estabilidade em 34,7%, e permanece no nível verde. 

Os índices que monitoram a pandemia estão da seguinte forma. 

• RT: 0,87 (verde);
• Ocupação de leitos UTI para covid-19: 50,8% (amarelo);
• Ocupação de leitos de enfermaria para covid-19: 34,7% (verde).

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Estado tem o quarto maior rebanho bovino do Brasil com mais de 22 milhões de cabeças #itatiaia70anos

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Total de infectados com a variante Ômicron chegou a 1.407 nessa quinta-feira (20) #itatiaia

    Acessar Link