Notícias

Corpo de mulher é encontrado prensado entre muros na Grande BH

Conforme os bombeiros, o corpo estava irreconhecível e não apresentava sinais de violência

Por Patrícia Marques | 13/05/2022 às 16:35
Google Street View
Foto: Google Street View

O caso foi registrado na rodovia Renato Brandão Azeredo, esquina com Rua Catumbi

O corpo de uma mulher, de aproximadamente 40 anos, foi encontrado entre dois muros na rodovia Renato Brandão Azeredo, esquina com Rua Catumbi, no bairro Piratininga, em Ibirité, na região Metropolitana de Belo Horizonte, nesta sexta-feira (13).

Segundo o Corpo de Bombeiros, que foi acionado pela Polícia Militar (PM), o corpo estava irreconhecível. 

À Itatiaia, a PM explicou que o cadáver estava em estado avançado de decomposição e, conforme a perícia da Polícia Civil, ele estaria lá entre 4 e 5 dias. 

A mulher teria ficado presa entre os muros após o seu corpo inchar e, com isso, os bombeiros precisaram ser acionados. 

Após retirá-lo do local, ele foi repassado para o rabecão. Em relato aos bombeiros, a perícia disse que o corpo não apresentava sinais de violência. 

Em nota, a Polícia Civil explicou que foi para o local assim que acionada para identificar e coletar vestígios. “O corpo da vítima, ainda não identificada, não tinha sinais de violência e foi encaminhado ao Posto Médico-Legal, em Betim, para ser submetido a exames. A causa e circunstâncias da morte serão investigadas”, disse. 


 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou