Notícias

Coronavírus: Doria projeta vacinação em massa da população em janeiro de 2021

Na avaliação do governador, a projeção não se trata de um sonho, mas sim uma "realidade"

Por Redação, 27/07/2020 às 08:01
atualizado em: 27/07/2020 às 13:35

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Foto: Governo de São Paulo/ Divulgação
Governo de São Paulo/ Divulgação

Em entrevista exclusiva ao Jornal da Itatiaia I Edição desta segunda-feira, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), disse que a vacina CoronaVac, desenvolvida pela empresa chinesa Sinovac, em parceria com o Instituto Butantan, deve ser liberada para aplicação em massa no Brasil em janeiro de 2021, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). O teste da vacina está na fase 3, com mais de 9 mil voluntários sendo imunizados no país, inclusive em Minas Gerais. A conclusão dessa etapa deve ocorrer em outubro. 

Ouça aqui a entrevista completa!

"A vacina já poderá começar a ser produzida, mediante a autorização da Anvisa, no máximo nos primeiros dias de dezembro. E a quantidade necessária para iniciar a imunização da população brasileira, pode ser aplicada já no início de janeiro com o SUS, com aplicação gratuita em toda população. A melhor notícia que poderíamos ter é a vacina". 

Na avaliação do governador, a projeção não se trata de um sonho, mas sim uma "realidade". "Abril do ano que vem já teremos, com toda segurança, a imunização e a tranquilidade que as pessoas poderão celebrar festas, atividades, eventos musicais ou esportivos, sem risco para sua saúde ou sua vida''. Doria também destaca que a Sinovac será fabricada integralmente pelo Instituto Butantan e não dependerá de importação.

 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Vendas de produtos como TVs, câmeras e equipamentos de áudio serão interrompidas. #Itatiaia

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    A humorista e o noivo, Richard Neuman, estão passeando pela Flórida. #Itatiaia

    Acessar Link