Notícias

Atlético paga quase R$ 12 milhões na Fifa por dívida com Sevilla pela contratação de Arana

Galo corria o risco de ser punido pela entidade máxima do futebol mundial

Por Redação, 04/05/2021 às 22:04
atualizado em: 05/05/2021 às 09:53

Texto:

Foto: Pedro Souza / Atlético
Pedro Souza / Atlético

Além da goleada por 4 a 0 sobre o Cerro Porteño-PAR, pela Copa Libertadores, o torcedor do Atlético teve mais um motivo para comemorar nesta terça-feira. É que o clube alvinegro pagou quase R$ 12 milhões na Fifa por uma dívida com o Sevilla-ESP pela contratação do lateral-esquerdo Guilherme Arana, em janeiro de 2020. A informação foi confirmada pela Rádio Itatiaia com uma fonte da diretoria do Galo.

O Galo corria o risco de ser punido pela entidade máxima do futebol mundial caso não quitasse o valor. Mais uma vez, os investidores foram os responsáveis por auxiliar o clube no pagamento da dívida.

O clube espanhol acionou o Galo na Fifa por não ter recebido parte do valor acordado no início do ano passado pela transferência de Arana. Pelo acordo, o Atlético pagaria 2,5 milhões de euros (R$ 16,3 milhões na cotação atual) ao Sevilla pelo empréstimo de um ano e meio.

Ao término do empréstimo, no próximo dia 30 de junho, o Atlético terá que pagar mais 2,5 milhões de euros (R$ 16,3 milhões) para ficar com Arana em definitivo e adquirir 90% dos direitos econômicos. Assim, o jogador assinará contrato com o Galo por mais três anos (até dezembro de 2024).

Titular absoluto desde que chegou ao clube, Arana tem 56 jogos pelo Atlético. O lateral marcou oito gols e deu 11 assistências, sendo a mais recente nesta terça-feira, no quarto gol marcado por Vargas na goleada por 4 a 0 sobre o Cerro Porteño, pela Libertadores.

*Com informações de Claudio Rezende

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Considerado o melhor jogador do piso de saibro da história, o espanhol, atual terceiro colocado no ranking mundial, não teve seu reinado ameaçado na capital italiana. #Itatiaia

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Total de pessoas recuperadas da doença chega a 14,06 milhões. #Itatiaia

    Acessar Link