Notícias

Após não receber comissão, corretor processa mãe de Neymar e imobiliária em São Paulo

O imóvel foi comprado por R$ 13 milhões, mas corretor afirma que ele custava mais caro; defesa diz que responsabilidade é da imobiliária

Por Redação, 16/09/2021 às 11:14
atualizado em: 16/09/2021 às 11:22

Texto:

Foto: Reprodução/Instagram
Foto: Reprodução/Instagram

Após compra de uma mansão por R$ 13 milhões, Nadine Gonçalves, mãe de Neymar Júnior, foi acionada na Justiça de São Paulo por um corretor imobiliário. O imóvel fica no condomínio Park Palace, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. As informações iniciais são da jornalista Fábia Oliveira. 

No processo, que foi movido no mês de março deste ano, o profissional alega que teria intermediado a venda do imóvel e não recebido à comissão. Ele afirma ainda que o valor foi anunciado por R$ 14 milhões e não por R$ 13 milhões, como teria pagado a mãe de Neymar. O processo também envolve a imobiliária 'Primo e Vaz Empreendimentos Imobiliários'.

O ex-marido de Nadine, ‘Neymar Pai’, que administra o dinheiro da família, foi quem procurou à imobiliária e fechou a venda. À época, um cheque de R$ 780 mil assinado por ele, proveniente de uma conta conjunta que ele tem com Nadine, foi passado como valor da corretagem diretamente a imobiliária.

O corretor alega que foi ele quem intermediou a transação. Portanto, ele teria direito a quantia. O profissional explicou a Justiça que deveria receber ainda 6% do valor registrado da mansão, o equivalente a R$ 611 mil, mas com correção chegaria a mais de R$ 650 mil.

O corretor explica ainda que manteve o contato com Nadine, enviou mensagens em um aplicativo e ela destacou que as negociações seriam feitas pelo ex-marido. Segundo o profissional, ele foi bloqueado e, na sequência, descobriu que não fazia mais parte do negócio.

A ação tramita na 10ª Vara Cível de Santos, em São Paulo. A defesa da mãe de Neymar alega que a compra do imóvel foi fechada em R$ 13 milhões e que Marco Antônio Pinheiro Loureiro foi quem fez as intermediações. A quantia de R$ 780 mil, referente à comissão, foi paga a Marcelo de Moura Vaz que fez a solicitação.

Os advogados explicam também que o corretor prestava serviços avulsos de motorista à família e que Nadine o considerava como amigo. O profissional teria enviado para ela fotos de imóveis dos próprios sites de venda, sendo que ele não tinha vínculo profissional. A mãe de Neymar relata não ter tratado de valores com ele e nem de condições de pagamento.

Ao comunicar seu ex-marido, ele ainda teria explicado que a mansão estava em negociação avançada desde fevereiro do ano passado, com intermédio da NN Administração – empresa patrimonial que pertence a Nadine, Neymar Silva Santos e o CEO Altamiro Bezerra. Conforme Nadine, Neymar Pai teria pedido para ela não falar em nome da família.  

Além disso, a defesa de Nadine alega que se existir responsabilidade sobre o pagamento da comissão, cabe à imobiliária, visto que a empresa já recebeu o valor pago pelo imóvel.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Partida acontece nesta terça-feira (7), às 11h. No jogo de ida, times empataram por 0 a 0. #Itatiaia https://www.itatiaia.com.br/noticia/galo-x-bragantino-fazem-final-do-bras...

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Militares do Corpo de Bombeiros também atuam, nesta segunda-feira (6), para evitar reignição no Parque das Mangabeiras, em BH. #Itatiaia https://www.itatiaia.com.br/noticia/s...

    Acessar Link