Notícias

Apesar de aumento no número de transplantes de órgãos, fila de espera por órgão cresce em MG

Por Redação , 26/09/2019 às 11:13
atualizado em: 26/09/2019 às 11:14

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Foto: Ascom da Secretaria de Saúde
Ascom da Secretaria de Saúde

O número de transplantes de órgãos em 2019 aumentou em 30% em Minas Gerais. No entanto, a fila de espera por órgãos aumenta a cada ano. De acordo com o próprio MG Transplantes, a estrutura para captação e cirurgias ainda não é a ideal.  Além disso, 55% das famílias ainda se recusam a autorizar a retirada de órgãos para doação. O assunto é abordado na matéria desta quinta-feira na série especial sobre transplantes, da repórter Mônica Miranda.

Hoje, a fila de espera por órgão para transplante tem 4.077 pessoas (18 pessoas esperam por um transplante de coração, 1.104 estão aguardando córnea, 57 estão à espera de um fígado, três esperam pâncreas, 30 aguardam medula e 2.808 amargam a espera por um rim.

O diretor do MG Transplantes, Omar Cansado, admite falha na abordagem das famílias ao tentar conscientizá-las sobre a importância da doação de órgãos. 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    ⚽️ Jogador afirmou não guardar mágoa do Cruzeiro e disse que tem amigos no clube celeste.

    Acessar Link