Ouvindo...

Times

Nikki Haley, ex-adversária de Trump nas primárias republicanas, anuncia que votará nele

A ex-governadora da Carolina do Sul, de 52 anos, é popular entre os eleitores republicanos moderados e independentes

Nikki Haley, ex-candidata à indicação do Partido Republicano para a Casa Branca e alvo de críticas por parte de Donald Trump, anunciou nesta quarta-feira (22) que votará no magnata nas eleições de novembro.

“Coloco minhas prioridades em um presidente que apoie nossos aliados e exija responsabilidade de nossos inimigos, que garanta a segurança da fronteira - sem mais desculpas -, um presidente que apoie o capitalismo e a liberdade”, disse em uma reunião de líderes conservadores.

“Trump não tem sido perfeito nesses temas. Deixei isso claro muitas vezes. Mas [o democrata Joe] Biden tem sido uma catástrofe, por isso votarei em Trump”, ressaltou.

Leia também

Haley, ex-embaixadora dos Estados Unidos na ONU, foi apelidada pelo ex-mandatário (2017-2021) como “birdbrain”, que literalmente significa “cérebro de passarinho”.

A ex-governadora da Carolina do Sul, de 52 anos, é popular entre os eleitores republicanos moderados e independentes.

“Trump seria inteligente se se aproximasse dos milhões de cidadãos que votaram em mim e continuam me apoiando e não desse por certo que eles vão estar com ele. E espero sinceramente que ele o faça”, disse.

Este anúncio pode reembaralhar as cartas entre os candidatos à vice-presidência na campanha republicana, apesar de Trump ter dito recentemente que não cogitava Haley para o cargo.


Participe dos canais da Itatiaia:

AFP
Agence France-Presse é uma agência de notícias francesa, a AFP cobre a atualidade mundial com uma qualidade única de produção multimídia em vídeos, textos, fotos e infográficos em seis línguas.
Leia mais