Ouvindo...

Times

Conheça cinco atletas gaúchos que podem ser destaque em Paris 2024

Mayra Aguiar, Daniel Carginin, Tati Westonn-Webb, Almir Júnior e Guilherme Toldo são esperanças de medalhas nos Jogos Olímpicos

Apesar das fortes chuvas que atingiram o estado nos últimos dias, o Rio Grande do Sul pode assumir o protagonismo nos Jogos Olímpicos de Paris 2024. Por mais que as enchentes tenham atrapalhado as instalações esportivas e a rotina de muitos atletas, alguns gaúchos são tido como esperanças de medalhas para o Time Brasil.

Abaixo, a Itatiaia traz uma relação de cinco atletas gaúchos que se destacam em suas respectivas modalidades: Mayra Aguiar (judô), Daniel Carginin (judô), Tatiana Westonn-Webb (surge), Guilherme Toldo (esgrima) e Almir Júnior (atletismo).

Leia também

Mayra Aguiar

Natural de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, Mayra Aguiar já está garantida em Paris 2024. Essa será a quarta Olimpíada da judoca, medalhista de bronze em Londres 2012, Rio 2016 e Tóquio 2020.

Além disso, a atleta conquistou a medalha de prata nos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro 2007 e voltaria ao pódio no ciclo seguinte. Mayra também foi a primeira mulher a conquistar o ouro no Grand Slam de Tóquio, disputado em 2023.

Daniel Carginin

Outro natural da capital gaúcha, Daniel Carginin foi medalhista de bronze em Tóquio 2020 e é o atual décimo colocado no ranking mundial da categoria. Atleta do Sogipa, clube sediado em Porto Alegre, o judoca, inclusive, esteve na linha de frente do combate às consequências das enchentes no Rio Grande do Sul.

Tatiana Westonn-Webb

Nascida em Porto Alegre, mas criada na ilha de Kauai, no Havaí, Tatiana Westonn-Webb é considerada uma revelação do surfe mundial. Em Paris 2024, Tati disputará sua segunda Olimpíada, já que também esteve em Tóquio 2020. Vale lembrar que a sede do surfe nos Jogos Olímpicos de Paris será em Taiti.

Além de Tóquio 2020 e Paris 2024, Tatiana Westonn-Webb conquistou o lugar mais alto do pódio nos Jogos Pan-Americanos de Santiago, no ano passado.

Guilherme Toldo

Filho de professores de educação física e nascido em Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul, Guilherme Toldo disputará sua quarta Olimpíada aos 32 anos de idade.

Profissional do florete masculino, Toldo atualmente detém o melhor resultado da modalidade entre os homens, ao chegar nas quartas de final das Olimpíadas do Rio, em 2016.

Almir Júnior

Almir dos Santos Júnior é o único da lista que não é gaúcho de nascença, mas o atleta está no Rio Grande do Sul desde os 15 anos e, atualmente, defende o Sogipa. O atleta, inclusive, esteve na linha de frente do combate às consequências das enchentes.

Almir, inclusive, carimbou passagem para Paris 2024 ao atingir a marca de 17,31 metros no salto triplo. Recentemente, o atleta conquistou também o título do Ibero-Americano, em Cuiabá em 2024.


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Jornalista pela PUC Minas, Filipe Sodré é repórter multimídia no portal Itatiaia Esporte. Antes, passou por LANCE! e Esporte News Mundo. Tem experiência na cobertura esportiva diária, além de vídeos e podcasts.
Hugo Lobão é repórter multimídia do portal Itatiaia Esporte. É formado em Jornalismo pela PUC Minas. Antes da Itatiaia, passou por Hoje Em Dia, Record e Globo Esporte. Amante de esportes olímpicos.
Leia mais