Ouvindo...

Times

Torcedores de Grêmio e Inter seguem como os mais fiéis do Brasil, aponta pesquisa

A dupla Grenal é líder absoluta num quesito muito significativo no futebol brasileiro, que é o fato de se torcer para apenas um clube do país. Isso porque gremistas e colorados, assim como já tinha acontecido na Pesquisa CNN/Itatiaia/Quaest de 2023, seguem na liderança do ranking da fidelidade.

Apenas 13% dos gremistas afirmaram torcer para outra equipe brasileira, com 80% afirmando serem fiéis e 8% não sabendo ou não respondendo no levantamento feito entre 27 de abril e 1º de maio deste ano.

Na primeira rodada de O Maior Raio-X do Torcedor, em abril do ano passado, 16% declararam dividir a paixão pelo Grêmio com outro clube, com 82% afirmando serem apenas tricolores e 2% não sabendo ou não respondendo.

No universo colorado, 16% torcem para outro clube além do Internacional, com 76% sendo apenas colorados e 8% não sabendo ou não respondendo.

No ano passado, os números da “infidelidade” colorada foram muito parecidos, com 17% afirmando que torciam para mais de um clube. Eram 82% os fiéis e 1% não sabia ou não respondeu.

E os torcedores mais divididos entre dois clubes?

Se Grêmio e Internacional carregam a marca da fidelidade, o Vasco é o clube que vê seus torcedores mais divididos entre duas paixões, pois 40% declararam ter uma outra equipe. São 59% os fiéis e 1% não soube ou não respondeu.

Neste ranking da fidelidade ao contrário aparecem as torcidas de Cruzeiro e Sport, que têm 32% dos seus integrantes com a chamada “paixão dividida”.

No caso cruzeirense, 67% afirmaram torcer apenas para a Raposa e 1% não soube ou não respondeu. Entre os torcedores do Sport, 65% torcem apenas para o Leão e 2% não souberam ou não responderam.

Média

Segundo O Maior Raio-x do Torcedor de 2024, a média é de 1 em cada 4 torcedores tendo um segundo clube.

Quando questionados sobre torcer para um segundo time, 24% dos entrevistados com idade superior a 16 anos disseram ter uma segunda paixão clubística, com 73% se declarando fiéis e 2% não sabendo ou não respondendo.

Metodologia

A pesquisa O Maior Raio-X do Torcedor ouviu 6.373 pessoas no total, sendo 5.023 entrevistas aprofundadas com torcedores de 278 cidades e 714 jovens de 7 a 15 anos. A coleta foi realizada entre 27 de abril e 1º de maio de 2024, por meio de entrevistas face a face com questionários estruturados. A margem de erro estimada é de 1,4 ponto percentual, com nível de confiabilidade de 95%.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Alexandre Simões é coordenador do Departamento de Esportes da Itatiaia e uma enciclopédia viva do futebol brasileiro
Leia mais