Ouvindo...

Times

Torcedores apontam Abel Ferreira como melhor técnico do Brasil; veja ranking

Apesar de ter ampliado o seu percentual, o técnico português passou a ter concorrência em 2024

Multicampeão com o Palmeiras, Abel Ferreira ampliou sua preferência entre os torcedores brasileiros como o melhor treinador do país. Para 28% dos entrevistados no O Maior Raio-X do Torcedor, o comandante palmeirense é o melhor do Brasil, superando a marca de 26% do ano passado.

Apesar de ter ampliado o seu percentual, o técnico português passou a ter concorrência em 2024, o que não aconteceu no levantamento do ano passado, quando Renato Gaúcho, do Grêmio, e Rogério Ceni, então no São Paulo, dividiram a segunda colocação do ranking de treinadores com 3%.

Na pesquisa feita entre 27 de abril e 1º de maio deste ano, Tite, atual treinador do Flamengo, tomou a segunda posição de Renato Gaúcho e Rogério Ceni sendo apontado por 18% dos entrevistados como o melhor treinador do Brasil.

Com isso, Renato Gaúcho, com os mesmos 3% do ano passado, caiu para a terceira colocação. Ceni, que hoje comanda o Bahia, foi apontado por 1% dos entrevistados. Quem também teve uma queda foi Fernando Diniz, do Fluminense: caiu de 2% para 1%.

Mais estrangeiros

Apesar de estarem alcançando resultados bem diferentes em seus respectivos clubes, mais dois estrangeiros foram citados na pesquisa, ambos com 1% dos apontamentos.

O argentino Gabriel Milito faz grande trabalho no Atlético, onde já foi campeão estadual, teve a classificação às oitavas de final da Copa Libertadores assegurada com duas rodadas de antecipação e vê o seu time brigar pela liderança do Brasileirão.

Já o português António Oliveira, depois de um início animador no Corinthians, no Campeonato Paulista, vê sua equipe patinar na Série A, onde está perigosamente próximo da zona de rebaixamento.

O aumento de percentual de Abel Ferreira e o grande número de apontamentos de Tite fizeram com que outros treinadores, que foram indicados no ano passado por 16% dos entrevistados, caíssem para 7%.

Além disso, o percentual de quem não sabe ou não respondeu caiu de 47% para 39%, assim como o de nenhum, que regrediu de 4% para 2%.

Metodologia da pesquisa

A pesquisa O Maior Raio-X do Torcedor ouviu 6.373 pessoas no total, sendo 5.023 entrevistas aprofundadas com torcedores de 278 cidades e 714 jovens de 7 a 15 anos. A coleta foi realizada entre 27 de abril e 1º de maio de 2024, por meio de entrevistas face a face com questionários estruturados. A margem de erro estimada é de 1,4 ponto percentual, com nível de confiabilidade de 95%.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Alexandre Simões é coordenador do Departamento de Esportes da Itatiaia e uma enciclopédia viva do futebol brasileiro
Leia mais