Ouvindo...

Times

Longa reunião define futuro de Maurício Barbieri no Vasco

Treinador ganhou um voto de confiança da 777 Partners e, por ora, mudanças estão descartadas no comando técnico

Uma longa reunião, na tarde desta terça-feira (6), no CT Moacyr Barbosa, com vídeo-chamada, definiu a permanência de Maurício Barbieri como treinador do Vasco.

A diretoria de futebol no Brasil, entendia que a troca poderia ser uma solução mais rápida e viável para tirar o Vasco da crise instaurada. Entretanto, responsáveis pela SAF, a 777 Partners, entenderam que não é o momento para mudanças.

Enquanto a cúpula de futebol acreditava que a troca imediata facilitaria até a caminhada do Vasco na janela de transferências, os norte-americanos acreditam que respaldo ao técnico pode ser um divisor de águas.

É consenso em São Januário, que o trabalho de Barbieri pouco tem evoluído, especialmente com semanas livres para treinamentos. A 777, capitaneada por Josh Wander, seu CEO, não trabalha com limites de data para o treinador.

Por ora, até mesmo uma possível derrota para o Internacional, no domingo (11), pela Série A do Campeonato Brasileiro, não definirá essa eventual troca de comando.

Certo é que a cobrança está cada vez mais intensa para cima do técnico. As questionáveis escolhas na formação da equipe tem sido motivo de irritação com Barbieri.

O Vasco projeta ficar bem distante da zona de rebaixamento ao final do primeiro turno e da Série A. O objetivo mínimo traçado e conquistar uma vaga na próxima Copa Sul-Americana, pelo menos.

O Vasco é o vice-lanterna do Brasileiro com seis pontos em nove jogos. A equipe não sabe o que é vender há oito rodadas.

Jornalista esportivo desde 2006 e com passagens por Lance!, Extra e assessorias de marketing esportivo. É correspondente da Itatiaia no Rio de Janeiro. Tem pós-graduação em Jornalismo Esportivo e formação em Análise de Desempenho voltado para mercado.
Leia mais