Ouvindo...

Times

Técnico do Sport minimiza ausência em final: ‘Não sou imprescindível’

Mariano Soso está suspenso do primeiro jogo da decisão do Campeonato Pernambucano, contra o Náutico

O técnico do Sport, Mariano Soso, minimizou a própria ausência na primeira partida da final do Campeonato Pernambucano. Expulso na semifinal, contra o Santa Cruz, o comandante rubro-negro não estará na beira do campo diante do Náutico, neste sábado (30), no estádio dos Aflitos, em Recife (PE). O duelo começa às 16h30 (de Brasília).

“Tenho confiança nos jogadores e na comissão. Eu não sou imprescindível. A equipe tem um argumento para fazer um bom jogo e tentar vencer nossa primeira final”, afirmou Soso, em entrevista coletiva concedida nesta quarta-feira (27), após a vitória do Leão da Ilha sobre a Juazeirense-BA, pela última rodada da Copa do Nordeste.

O elenco rubro-negro terá apenas dois dias para treinar antes da grande decisão. Atual campeão, o Sport defende o título do Campeonato Pernambucano. Para o técnico, a equipe precisa ser estratégica, já que decide em casa, na Arena de Pernambuco.

"É uma série de dois jogos. Temos que ser muito estratégicos. Temos que ter em nossa cabeça atenção. Nosso desenho de plano de jogo começa nesta quinta (28), com a avaliação dos jogadores”, destacou.

Bom retrospecto

O Sport está invicto na temporada há oito jogos. A última derrota foi justamente para o Náutico, na primeira fase do Estadual. Nos Aflitos, o Timbu levou a melhor por 1 a 0.

Desde então, são quatro vitórias rubro-negras e quatro empates por três competições diferentes: Pernambucano, Copa do Brasil e Copa do Nordeste. O Leão marcou 15 gols e sofreu apenas cinco.

De acordo com Mariano Soso, a equipe está cada vez mais próxima do modelo de jogo que ele deseja. “Está mais perto do que nós temos como objetivo. Reparo na qualidade de cada jogador que integra este plantel. É um grupo que trabalha muito para melhorar a competição interna. Chegamos com solidez para essa final”, declarou.

Histórico de finais

Sport e Náutico se enfrentaram nas finais do Pernambucano - quando a fórmula previa um confronto decisivo - em 18 oportunidades. O Rubro-Negro levantou a taça 11 vezes, contra 7 do Alvirrubro. O último encontro na decisão foi em 2021, quando o Timbu sagrou-se campeão.

Retrospecto completo de Sport x Náutico em finais

  • 1951 - Náutico campeão
  • 1954 - Náutico campeão
  • 1955 - Sport campeão
  • 1961 - Sport campeão
  • 1963 - Náutico campeão
  • 1965 - Náutico campeão
  • 1966 - Náutico campeão
  • 1968 - Náutico campeão
  • 1975 - Sport campeão
  • 1977 - Sport campeão
  • 1988 - Sport campeão
  • 1991 - Sport campeão
  • 1992 - Sport campeão
  • 1994 - Sport campeão
  • 2010 - Sport campeão
  • 2014 - Sport campeão
  • 2019 - Sport campeão
  • 2021 - Náutico campeão
Leia também

Participe dos canais da Itatiaia Esporte:

Nuno Krause é correspondente da Itatiaia na região Nordeste. Formado pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), acumula passagens por Bahia Notícias, Jornal A TARDE e Rádio Salvador FM. Atua no jornalismo esportivo desde 2019.
Leia mais