Ouvindo...

Times

Seleção volta a jogar em ‘segunda casa’ após quase cinco anos; entenda

Local preferido para amistosos após a Copa do Mundo de 2010, os Estados Unidos voltarão a receber jogo do Brasil durante a Copa América, que começa em 20 de junho

Entre o fim da Copa do Mundo de 2010, na África do Sul, e setembro de 2019, pouco antes da pandemia de Covid-19, a Seleção Brasileira fez 19 jogos nos Estados Unidos. Foi o segundo país em que o time da CBF mais esteve no período, atrás apenas do Brasil, com 40 confrontos no período.

E a Seleção voltará para sua “segunda casa” em junho, após quase cinco anos de ausência, para a disputa de dois amistosos e da Copa América. A última partida do Brasil nos Estados Unidos foi uma derrota para o Peru por 1 a 0, em 10 de setembro de 2019, no Coliseum, em Los Angeles. Quatro dias antes, em Miami, houve empate por 2 a 2 contra a Colômbia, também em um amistoso.

A grande quantidade de jogos do Brasil no período se deveu ao contrato que a CBF tinha com uma empresa estrangeira, a Pitch, para comercializar esses compromissos. Pelo contrato, a empresa escolhia os locais dos amistosos e, quase sempre, também os adversários.

E os Estados Unidos, principalmente contra outros rivais da América do Sul, se mostrou um mercado rentável à empresa até setembro de 2019. Por opção, a empresa marcou amistosos do Brasil, em outubro e novembro daquele ano, em Singapura e, depois, no Oriente Médio. E aí veio a Covid-19.

Com os calendários de 2020 e 2021 afetados após o futebol parar durante boa parte da pandemia, as Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022 invadiram o alcance de amistosos. E ao fim do Mundial do Catar o acordo da CBF com a Pitch acabou.

Entre agosto de 2010 e setembro de 2019, o Brasil esteve em nove cidades diferentes dos Estados Unidos, entre amistosos e a Copa América do Centenário de 2016. Foram só três jogos no torneio oficial, com um empate, uma derrota e uma vitória, e eliminação na primeira fase que decretou o fim da segunda era Dunga.

Os 19 jogos do Brasil nos EUA entre 2010 e 2019:

  • Brasil 2 x 0 EUA - 10/08/2010 - amistoso - Nova Jersey
  • Brasil 4 x 1 EUA - 30/05/2012 - amistoso - Washington
  • Brasil 0 x 2 México - 03/06/2012 - amistoso - Dallas
  • Brasil 3 x 4 Argentina - 09/06/2012 - amistoso - Nova Jersey
  • Brasil 1 x 1 Colômbia - 14/11/2012 - amistoso - Nova Jersey
  • Brasil 3 x 1 Portugal - 10/09/2013 - amistoso - Boston
  • Brasil 5 x 0 Honduras - 16/11/2013 - amistoso - Miami
  • Brasil 1 x 0 Colômbia - 05/09/2014 - amistoso - Miami
  • Brasil 1 x 0 Equador - 09/09/2014 - amistoso - Nova Jersey
  • Brasil 1 x 0 Costa Rica - 05/09/2015 - amistoso - Harrison
  • Brasil 4 x 1 EUA - 08/09/2015 - amistoso - Boston
  • Brasil 2 x 0 Panamá - 29/05/2016 - amistoso - Denver
  • Brasil 0 x 0 Equador - 04/06/2016 - Copa América - Pasadena
  • Brasil 7 x 1 Haiti - 08/06/2016 - Copa América - Orlando
  • Brasil 0 x 1 Peru - 12/06/2016 - Copa América - Boston
  • Brasil 2 x 0 EUA - 07/09/2018 - amistoso - Nova Jersey
  • Brasil 5 x 0 El Salvador - 11/09/2018 - Washington
  • Brasil 2 x 2 Colômbia - 06/09/2019 - Miami
  • Brasil 0 x 1 Peru - 10/09/2019 - Los Angeles

A Copa América

O torneio terá 16 participantes, dez da América do Sul e seis da Concacaf (Confederação das Américas do Norte e Central). São quatro grupos de quatro, com confrontos dentro das chaves, e os dois primeiros de cada se classificando para as quartas de final. A partir daí são jogos eliminatórios até se conhecer o campeão.

Os jogos do Brasil na primeira fase

  • 24/06 Brasil x Costa Rica, no SoFI Stadium, em Inglewood (região de Los Angeles)
  • 28/06 Brasil x Paraguai, no Allegiant Stadium, em Las Vegas
  • 02/07 Brasil x Colômbia, no Levi’s Stadium, em Santa Clara (região de San Francisco)

Antes o Brasil vai ter dois amistosos: no dia 8 de junho contra o México, no Kyle Stadium, no Texas, e dia 12 de junho, frente aos Estados Unidos, no Camp World Stadium, em Orlando.

Veja os grupos da Copa América

Grupo A

  • Argentina
  • Peru
  • Chile
  • Canadá

Grupo B

  • México
  • Equador
  • Venezuela
  • Jamaica

Grupo C

  • Estados Unidos
  • Uruguai
  • Panamá
  • Bolívia

Grupo D

  • Brasil
  • Colômbia
  • Paraguai
  • Costa Rica

Veja os 26 convocados do Brasil

GOLEIROS

  • Bento - Athletico-PR
  • Alisson - Liverpool (ING)
  • Rafael - São Paulo

LATERAIS

  • Danilo - Juventus (ITA)
  • Yan Couto - Girona (ESP)
  • Guilherme Arana - Atlético
  • Wendell - Porto (POR)

ZAGUEIROS

  • Beraldo - PSG (FRA)
  • Eder Militão - Real Madrid (ESP)
  • Gabriel Magalhães - Arsenal (ING)
  • Marquinhos - PSG (FRA)
  • Bremer - Juventus (ITA)

MEIO-CAMPISTAS

  • Andreas Pereira - Fulham (ING)
  • João Gomes - Wolverhampton (ING)
  • Éderson - Atalanta (ITA)
  • Bruno Guimarães - Newcastle (ING)
  • Douglas Luiz - Aston Villa (ING)
  • Lucas Paquetá - West Ham (ING)

ATACANTES

  • Pepê - Porto (POR)
  • Endrick - Palmeiras
  • Evanilson - Porto (POR)
  • Rodrygo - Real Madrid (ESP)
  • Gabriel Martinelli - Arsenal (ING)
  • Raphinha - Barcelona (ESP)
  • Savinho - Girona (ESP)
  • Vinicius Junior - Real Madrid (ESP)
Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Formado em jornalismo pela PUC-Campinas em 2000, trabalhou como repórter e editor no Diário Lance, como repórter no GE.com, Jornal da Tarde (Estadão), Portal IG, como repórter e colunista (Painel FC) na Folha de S. Paulo e manteve uma coluna no portal UOL. Cobriu in loco três Copas do Mundo, quatro Copas América, uma Olimpíada, Pan-Americano, Copa das Confederações, Mundial de Clubes, Eliminatórias e finais de diversos campeonatos.
Leia mais