Ouvindo...

Times

Contra o Grêmio, Cruzeiro entra em campo pela última vez sem reforços da ‘era Pedrinho’

Sem os sete contratados, time celeste mede forças com o Tricolor Gaúcho, em Caxias do Sul, pela Série A, nesta quarta-feira (10)

Com o objetivo de voltar ao G6 do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro visitará o Grêmio na noite desta quarta-feira (10), no Centenário, em Caxias do Sul, pela 16ª rodada da competição. No duelo, o time celeste entrará em campo pela última vez sem os sete reforços contratados na era Pedro Lourenço.

Vale ressaltar que a janela de transferências se abriu justamente nesta quarta-feira (10). No entanto, os clubes só poderão inscrever os novos jogadores e regularizá-los no Boletim Informativo Diário, da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a partir de quinta (11).

Com esse período necessário para a regularização dos atletas, algumas novas peças do Cruzeiro ficarão à disposição para o duelo com o RB Bragantino, no Independência, no sábado (13), às 16h (de Brasília).

Campanha acima das expectativas

Apesar da limitação do elenco, o Cruzeiro faz uma campanha surpreendente no Brasileirão. Após 15 rodadas e com um jogo a menos, a equipe celeste ocupa a sétima colocação na tabela, com 23 pontos. Em Caxias, os comandados de Fernando Seabra vão enfrentar o desesperado Grêmio, na 18ª posição, com 11 pontos.

Investimento pesado

Para a sequência da temporada, o Cruzeiro foi ao mercado e oficializou as contratações do goleiro Cássio, do zagueiro Jonathan Jesus, dos volantes Walace, Matheus Henrique e Fabrizio Peralta, além dos atacantes Kaio Jorge e Lautaro Díaz. A tendência, inclusive, é que Cássio faça a sua estreia já contra o RB Bragantino.

No total, com a chegada de Pedrinho, o Cruzeiro investiu R$ 184,25 milhões para esta janela de transferências. Cássio, por exemplo, deixou o Corinthians rumo à Toca da Raposa II, em Belo Horizonte, sem custos.

Com Pedrinho, o Cruzeiro também optou por comprar o passe de atletas que estavam emprestados, casos do zagueiro João Marcelo e do meia Matheus Pereira.

Quando Ronaldo ainda estava à frente da SAF, o clube investiu R$ 11,8 milhões nas contratações dos argentinos Lucas Romero, Juan Ignacio Dinenno, Lucas Villalba e Álvaro Barreal.

Gastos do Cruzeiro com contratações em 2024

  • Matheus Pereira: 7 milhões de euros (R$ 38 milhões)
  • Matheus Henrique: 6 milhões de euros (R$ 36 milhões)
  • Walace: 6 milhões de euros (R$ 36 milhões)
  • Kaio Jorge: 4,5 milhões de euros (R$ 25,7 milhões)
  • Fabrizio Peralta: 3 milhões de dólares (R$ 16,3 milhões)
  • Lautaro Díaz: R$ 16 milhões
  • Jonathan Jesus: R$ 8,25 milhões
  • João Marcelo: 1,5 milhão de euros (R$ 8 milhões)
  • Lucas Romero: cerca de R$ 5 milhões
  • Juan Dinenno: 1 milhão de dólares (R$ 4,8 milhões)
  • Lucas Villalba: 200 mil dólares (R$ 1 milhão)
  • Álvaro Barreal: R$ 1 milhão
  • Total: R$ 196,05 milhões
Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Leonardo Garcia Gimenez é repórter multimídia na Itatiaia. Natural de Arcos-MG e criado em Iguatama-MG. Passou também pela Record Minas.
Leia mais