Ouvindo...

Times

Como Cássio vê disputa por posição com Anderson no Cruzeiro

Reforço do clube celeste comentou sobre a ‘briga’ com o camisa 98 na sequência da temporada

Sem condições de estrear pelo Cruzeiro, Cássio comentou sobre a disputa por posição com Anderson. A partir de 10 de julho, quando será aberta a janela de transferências, o experiente goleiro poderá atuar pelo time celeste na sequência da temporada.

Apresentado oficialmente nesta quinta-feira (20), na Toca da Raposa II, em Belo Horizonte, Cássio “jogou a responsabilidade” dessa decisão para Fernando Seabra. No entanto, o novo camisa 1 rasgou elogios ao principal concorrente na disputa da Série A do Campeonato Brasileiro e da Copa Sul-Americana.

“Isso é com o Seabra. Sou jogador, funcionário, todo dia vou estar lá para me dedicar. Por isso tem o treinador, nunca me meti, não vou me meter, tem o treinador para isso. O Anderson tem jogado bem, tem ajudado”, afirmou Cássio.

Na opinião do goleiro, o Cruzeiro tem um elenco muito bom, o que contribui para a sua rápida adaptação ao clube celeste.

“Não é o Cássio que veio para fazer, é o grupo. O Cássio não vai ganhar os jogos sozinho. Se você ver os jogos, não é o mesmo que faz o gol todos os jogos, quem dá o passe, é o grupo. O grupo é muito legal, tenho que conseguir me adaptar ao grupo, ao estilo, me adequar, porque cheguei”, completou.

Decisão nas mãos de Seabra

Por fim, apesar de respeitar a escolha de Seabra no futuro, Cássio demonstrou intenso desejo de ser titular e de construir uma história no Cruzeiro.

“Me trataram super bem desde que cheguei, todos os jogadores. Sobre quem joga ou não é do professor, mas vim aqui com muita vontade, muito desejo de ajudar o Cruzeiro. Vou fazer de tudo para ser o goleiro titular do Cruzeiro”, encerrou.

O que pensa Seabra sobre a concorrência

Após a vitória contra o Fluminense, pelo Brasileirão, em que Anderson teve boa atuação, o treinador analisou a “briga” entre os goleiros do Cruzeiro. De acordo com Seabra, a comissão técnica está igualmente satisfeita com Anderson e com Cássio.

“Acho ótimo que o Anderson esteja desempenhando neste nível. Nós queremos gerar uma competição positiva, em que um empurre o outro. Ficamos felizes. Sabíamos que o Anderson tinha potencial para desempenhar esse nível e que vinha há muito tempo sem ritmo. Estamos felizes com o crescimento e com o desenvolvimento do Anderson. Também estamos muito satisfeitos com o trabalho do Cássio no dia a dia”, afirmou o técnico na coletiva.

No entanto, ainda conforme o técnico do Cruzeiro, Cássio deve ser o titular da posição a partir de julho. Vale ressaltar que o ídolo do Corinthians foi a primeira contratação da ‘era Pedro Lourenço’.

“O Cássio é um jogador de altíssimo nível e estratégico. No sentido da qualidade de jogo, da experiência que ele tem, títulos que traz com ele. Contamos com o Cássio para jogar. Mas ficamos felizes que estamos contando com o Anderson. Quem ganha é o Cruzeiro”, enfatizou Seabra.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Leonardo Garcia Gimenez é repórter multimídia na Itatiaia. Natural de Arcos-MG e criado em Iguatama-MG. Passou também pela Record Minas.
Matheus Muratori é jornalista multimídia com experiência em muitas editorias, mas ama a área esportiva. Faz cobertura de futebol, basquete, vôlei, esportes americanos, olímpicos e e-sports. Tem experiência em jornal impresso, portais de notícias, blogs, redes sociais, vídeos e podcasts.
Guilherme Piu é jornalista esportivo com experiência multiplataforma: digital, revista, rádio e TV. Tem dois livros publicados e foi premiado em festivais de cinema no Brasil e no exterior, dentre eles o Cinefoot. Cobriu grandes eventos, como Copa do Mundo, Olimpíada, Copa América e torneios de futebol. Passou por Hoje em Dia, Uol e Revista Placar.
Emerson Pancieri é setorista do Cruzeiro na Rádio Itatiaia, onde atua desde 2016. Graduou-se em Jornalismo pela Newton Paiva, em 2009. Passou também por Transamérica, O Tempo, Band News, Rádio Globo e CBN (onde foi setorista do Cruzeiro de 2012 a 2016 e cobriu o bicampeonato brasileiro 2013 e 2014, além da Copa no Brasil).
Leia mais