Ouvindo...

Times

Pedrinho recupera fragmentos de Cruzeiros vencedores, avalia comentarista da ESPN

Empresário assumiu a SAF do Cruzeiro em 29 de abril deste ano; valores giram em torno de R$ 600 milhões por 90% das ações

Sócio majoritário do Cruzeiro, o empresário Pedro Lourenço teve sua postura bastante elogiada nos primeiros passos da nova gestão. Comentarista da ESPN, Gustavo Zupak se mostrou esperançoso e ressaltou os movimentos iniciais feitos pelo clube celeste.

“Alexandre Mattos, Edu Dracena e agora Adilson Batista. Na nova SAF, Pedrinho vai recuperando fragmentos de Cruzeiros vencedores”, escreveu no X, antigo Twitter.

Zupak chegou, até mesmo, a traçar um paralelo com anos gloriosos da Raposa. “Além da competência de cada profissional, gera também identificação. O timaço de 03, o vice da Liberta 09 e o Bi Brasileiro 13/14. Interessante”, completou.

Mudança na SAF do Cruzeiro

Pedrinho assumiu a SAF do Cruzeiro em 29 de abril deste ano. O empresário adquiriu a porcentagem total das ações após venda por parte do ex-jogador Ronaldo. Os valores giram em torno de R$ 600 milhões por 90% das ações, sendo R$ 100 milhões pagos ao Ronaldo em março de 2023, R$ 150 milhões neste ano e R$ 350 milhões nos próximos dez anos.

Pedro Lourenço também falou sobre uma mudança de patamar no Cruzeiro. A Raposa confirmou, nesta semana, a chegada do goleiro Cássio e a contratação do ídolo do Corinthians marcou o início das “grandes contratações” da gestão, de acordo com o empresário.

Essa é a primeira das grandes que a gente pretende trazer. Para melhorar o nosso grupo, temos que começar por um grande goleiro. Ele é grande em todos os sentidos. É uma emoção muito grande de estar aqui hoje, como torcedor, mas em outra função. Estou muito feliz”, afirmou Pedrinho, na Toca da Raposa II, em Belo Horizonte, após a chegada de Cássio.

Obrigações de Pedrinho na SAF do Cruzeiro

Além de assumir a gestão do futebol, Pedro Lourenço vai se responsabilizar contratualmente pelo pagamento de dívidas cíveis e trabalhistas no regime de Recuperação Judicial (RJ). Vale ressaltar que o plano de pagamento aos credores já foi aprovado em junho do ano passado.

O empresário se encarregará, ainda, do pagamento de dívidas tributárias, dívidas relacionadas ao futebol. No entanto, ele terá o controle das Tocas da Raposa I e II, em Belo Horizonte.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Jornalista em formação na UFMG. Apaixonado por futebol e esportes em geral.
Leia mais