Ouvindo...

Times

Pentacampeão com a Seleção reage à recepção para Cássio no Cruzeiro

Denilson, comentarista da Band, elogiou festa da torcida para o novo reforço, que deixou o Corinthians após 12 anos com status de grande ídolo

Pentacampeão mundial pela Seleção Brasileira, em 2002, Denilson rasgou elogios à recepção de Cássio por parte da torcida do Cruzeiro. Novo reforço do clube celeste, o goleiro chegou à Toca da Raposa II, em Belo Horizonte, nessa terça-feira (21), com uma multidão de torcedores na porta do CT.

Durante o programa Jogo Aberto, da Band, nesta quarta-feira (22), o comentarista analisou a saída de Cássio do Corinthians e falou sobre o novo momento da carreira do goleiro em conversa com a apresentadora Renata Fan.

“Não podia ser diferente a recepção, né? Independentemente da identidade que ele construiu e, com mérito, com o Corinthians, chegar num lugar e ser recebido dessa forma dá uma motivação. Você falou do estado anímico na última aparição dele, até mesmo na despedida do Corinthians, havia realmente um semblante muito triste por alguns motivos. Acho que, primeiro, pela despedida depois de um longo tempo trabalhando no Corinthians e também por causa da pressão. Acho que não foi da forma que ele gostaria de sair do Corinthians, gostaria de sair de uma forma diferente”, afirmou.

Na ocasião, Denilson também aproveitou a oportunidade para desejar sucesso ao Cássio com a camisa do Cruzeiro.

“Num curto espaço de tempo, ele acaba recebendo um carinho do torcedor cruzeirense. É um novo ciclo que se inicia. Aqui do Jogo Aberto, a gente só pode desejar boa sorte para ele nessa nova caminhada”, completou.

Já em suas redes sociais, Denilson escreveu a seguinte legenda: ‘Que recepção daora da torcida do Cruzeiro para o Cássio, muito merecido, que seja uma história bonita’.

Cássio demonstrou felicidade na Toca

Em rápido contato com a imprensa, Cássio falou pela primeira vez como reforço do Cruzeiro.

“Muito feliz. Obrigado pela recepção. Muito empolgado. Muito feliz e tenho certeza que vamos ser muito felizes aqui”, disse Cássio.

Além de Cássio, Cruzeiro promete grandes contratações

Na Toca, Pedro Lourenço, gestor da SAF, afirmou que “Cássio foi a primeira das grandes contratações” que o Cruzeiro vai fazer em sua administração.

Quem também comentou a chegada de Cássio foi Edu Dracena, diretor-técnico, que rasgou elogios ao novo reforço celeste. Segundo ele, o anúncio mostra que o “Cruzeiro não vem para brincar” na janela do meio do ano.

Cássio chega a BH com ‘número mágico’ de Fábio

Primeira contratação da era Pedro Lourenço, Cássio chegou ao Cruzeiro com a mesma idade em que Fábio viveu grande momento no clube celeste.

Para potencializar o desempenho de Cássio, o Cruzeiro conta com o retorno de Robertinho. O preparador de goleiros, responsável pelo crescimento de Fábio e Rafael na carreira, já iniciou os trabalhos na sequência da temporada.

Em 2017 e em 2018, depois de ter ficado 238 dias afastado dos gramados por uma grave lesão no joelho direito, Fábio, à época com 36 para 37 anos, foi decisivo e protagonista das conquistas da Copa do Brasil diante do Flamengo e do Corinthians, respectivamente. Vale ressaltar que, em 2013 e em 2014, Fábio conquistou os títulos da Série A do Campeonato Brasileiro e também foi muito importante, embora tenha sido menos exigido tecnicamente.

Durante as campanhas da Série B, Fábio foi criticado por parte da torcida, mas seguia com imenso prestígio. Foi quando, em um cenário diferente ao de Cássio no Corinthians, ele deixou o Cruzeiro por uma divergência com a gestão de Ronaldo.

No ano passado, pelo Fluminense, aos 42 anos, Fábio foi peça fundamental da equipe de Fernando Diniz no título inédito da Copa Libertadores.

Cássio foi muito decisivo e vitorioso no Corinthians

Considerado por muitos torcedores como o maior ídolo do Corinthians, Cássio disputou 712 partidas pelo Timão e conquistou nove títulos; entre eles, o Mundial de Clubes e a Copa Libertadores, ambos em 2012 e com defesas que marcaram gerações corintianas.

Em entrevista exclusiva à Itatiaia, Robertinho projetou a parceria com Cássio no Cruzeiro e rasgou elogios ao novo goleiro do time de Fernando Seabra.

No Cruzeiro, Cássio tentará recuperar grande fase

No último mês, Cássio perdeu a titularidade no Corinthians para Carlos Miguel. Depois de ter sido ameaçado há alguns anos e recebido críticas de torcedores, o “Gigante” optou por um novo desafio na carreira e acertou por três anos e meio com o Cruzeiro.

Como a janela de transferências será aberta somente em 10 de julho, Cássio vai fazer trabalhos físicos de preparação antes da estreia pelo Cruzeiro.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Leonardo Garcia Gimenez é repórter multimídia na Itatiaia. Natural de Arcos-MG e criado em Iguatama-MG. Passou também pela Record Minas.
Leia mais