Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Ex-diretor da base do Corinthians citado em B.O fala sobre espionagem no CT

Osvaldo Neto, que foi citado no boletim de ocorrência do Corinthians, falou sobre as câmeras encontradas

Osvaldo Neto, ex-diretor da base do Corinthians

Osvaldo Neto detalhou caso das câmeras

Reprodução

O Corinthians realizou uma varredura e encontrou equipamentos de espionagem na sede social e nos centros de treinamento da base e do profissional. A Itatiaia buscou contato com Osvaldo Neto, ex-diretor da base do Timão, que afirmou desconhecer a instalação dos equipamentos.

Neto foi citado no boletim de ocorrência registrado pelo Corinthians nesta segunda-feira (15). “Por fim esclarece que a pessoa que anteriormente quem ocupava a sala da diretoria da base trata-se de Osvaldo Neto, o qual poderá explicar melhor se houve algum técnico fazendo reparos ou instalações em sua sala”, consta no documento.

“Fiquei sabendo há 20 minutos. Não estou sabendo de nada e nem de onde saiu. Eu só ficava no Parque São Jorge, no CT nem sala eu tinha, quem ficava era o André (Figueiredo), eu fazia as reuniões no Parque São Jorge e no CT só via treino”, disse.

Osvaldo Neto ainda disse à Itatiaia que, pelo que notou nas imagens, as câmeras foram posicionadas em uma sala ao fundo do CT, utilizada por diretores adjuntos e conselheiros.

A varredura foi realizada pela nova gestão do Corinthians, presidida por Augusto Melo. Duilio Monteiro Alves, ex-presidente do Timão, e responsável por nomear Osvaldo Neto, também fez boletim de ocorrência para registrar o caso.

Jornalista formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Responsável por acompanhar o dia a dia de Corinthians e Santos pela Itatiaia Esporte. Passagem também como repórter do portal Meu Timão
Leia mais