Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Corinthians joga mal, leva gol no fim e empata com o Racing pela Sul-Americana

Timão chegou a ficar à frente no placar, mas viu a equipe uruguaia buscar o empate no final

O Corinthians jogou mal e ficou apenas no empate com o Racing, do Uruguai, nesta terça-feira (2), por 1 a 1. O jogo foi válido pela primeira rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana.

O duelo foi de um Corinthians improdutivo com a bola no pé e de um Racing que abusou das ligações diretas para criar oportunidades. Em um raro momento que conseguiu chegar no fundo, Yuri Alberto aproveitou cruzamento de Garro e abriu o placar para o Timão.

O trauma veio já aos 40 minutos do segundo tempo, quando o Racing buscou o empate. No lance, Cacá vacilou e deixou Alaniz o ultrapassar, ficar cara a cara com Cássio, e chutar para o fundo do gol corintiano.

O Timão volta a campo na próxima terça-feira (9), quando enfrenta o Nacional, do Paraguai. Será a primeira partida do Corinthians na Neo Química Arena nesta edição da competição

Pancada!

O cartão de visitas do Corinthians no Estádio Centenário saiu dos pés de Fagner, em uma jogada muito repetida por parte do camisa 23 do Timão. O jogador recebeu de Hugo, pelo lado direito, e finalizou de média distância, no ângulo, obrigando defesa espetacular de Renzo Bacchia.

Ação-reação

Se o Corinthians deu trabalho para Bacchia, o Racing não demorou para fazer Cássio trabalhar na meta alvinegra. A equipe uruguaia acumulou uma sequência de escanteios, que geraram bastante perigo ao goleiro do Timão.

Neste mesmo momento do jogo, em bola rebatida, Verón Lupi bateu com firmeza, contou com desvio na defesa corintiana, e viu a bola explodir na trave.

Bate e rebate

O primeiro tempo de Racing x Corinthians foi daqueles que deixou os torcedores do Timão pouco esperançosos com a equipe. Mesmo amplamente superior ao rival individualmente, a equipe passou longe de conseguir ser criativa com a bola no pé.

Se por um lado os uruguaios deixavam o orgulho de lado para se pautar em bolas longas ao ataque, a resposta do Corinthians foi a mesma. Pedro Raul, pivô do Timão, porém, teve muitas dificuldades em reter a bola contra um forte trio de zagueiros do Racing.

Velho conhecido

No intervalo da partida, António Oliveira optou por resgatar antigas memórias da Fiel. O treinador promoveu a entrada do lateral-esquerdo Matheus Bidu na vaga de Hugo, para tentar ganhar mais agressividade pelo lado esquerdo.

Foi a primeira aparição oficial de Matheus Bidu com o Corinthians nesta temporada. Ele esteve fora da lista de inscritos para o Campeonato Paulista.

Ponta ou centroavante?

Yuri Alberto foi escalado por António Oliveira como ponta-direita nesta terça-feira (2). Distante do gol, o camisa 9 alvinegro parecia pouco habituado com a função que lhe foi atribuída na partida.

Mas o jogador do Corinthians conseguiu fazer a diferença na partida quando passou a frequentar a área. Aos 20 minutos do segundo tempo, de cabeça, após belo cruzamento de Rodrigo Garro, ele abriu o placar para o Timão em Montevidéu.

Banho de água fria

Quando o jogo já parecia administrado pelo Corinthians, um verdadeiro balde de água fria atingiu os comandados de António Oliveira. O Racing empatou a partida com Alaniz aos 40 minutos do segundo tempo.

Uma bola rebatida na área do Corinthians fez Alaniz ficar cara a cara com Cássio. Ele ultrapassou Cacá, que estava mal posicionado, e estufou as redes alvinegras.

Racing x Corinthians

Racing

Renzo Bacchia; Guillermo Lima, Lucas Monzón, Hugo Magallanes e José Rebollo; Urretaviscaya (Medeiros), De Los Santos e Garcia; Verón Lupi (Alaniz), Berrutti (Sosa) e Lucas Guzmán. Técnico: Eduardo Espinel.

Corinthians

Cássio; Fagner, Félix Torres, Gustavo Henrique (Fausto Vera) e Hugo (Matheus Bidu); Raniele, Breno Bidon e Rodrigo Garro; Yuri Alberto, Wesley (Pedro Henrique) e Pedro Raul (Romero). Técnico: António Oliveira

Motivo: primeira rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana
Local: Estádio Centenário, em Montevidéu (URU)
Data e horário: 2 de abril de 2024 (terça-feira), às 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Jhon Hinestroza (COL)
Auxiliares: Jhon Gallego (COL) e Mary Blanco (COL)
Árbitro de vídeo: Jhon Perdomo (COL)
Gols:
Yuri Alberto (20 min 2ºT), para o Corinthians
Alaniz (40 min 2ºT), para o Racing
Cartões amarelos:
Hugo e Garro, do Corinthians
Cartões vermelhos:

Leia também

Participe dos canais da Itatiaia Esporte:

Jornalista formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Responsável por acompanhar o dia a dia de Corinthians e Santos pela Itatiaia Esporte. Passagem também como repórter do portal Meu Timão
Leia mais