Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Entenda por que o Ceará pediu adiamento do jogo contra o Sport pelo Nordestão

Clube quer que STJD tenha tempo para decidir se acata pedido para que confronto pelas quartas de final não seja disputado em Pernambuco

O departamento jurídico do Ceará enviou, nesta quinta-feira (4), uma notificação ao STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) pedindo o adiamento da partida contra o Sport, pelas quartas de final da Copa do Nordeste.

Na madrugada desta quinta, a diretoria de competições da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) divulgou a tabela com datas e horários dos jogos das quartas do Nordestão. O confronto único entre Sport e Ceará foi marcado para a próxima quarta-feira (10), na Arena de Pernambuco, na região metropolitana do Recife, às 21h30 (de Brasília).

O clube cearense alega que é preciso mais tempo para que o STJD analise o pedido da Federação Cearense de Futebol (FCF) para que esse jogo não ocorra em Pernambuco. A alegação é de falta de segurança. Em 22 de fevereiro, o ônibus da delegação do Fortaleza foi atacado por membros de uma torcida organizada do Sport, após o 1 a 1 pela Copa do Nordeste. Seis jogadores ficaram feridos.

Em resposta a um ofício mandando pelo STJD, questionando se procedia a falta de segurança para a partida, a Polícia Militar de Pernambuco informou que, o ideal, é que o confronto seja realizado de portões fechados. O Sport já foi punido com oito jogos sem torcedores, mas conseguiu efeito suspensivo até ser julgado pelo Pleno, a última instância do tribunal desportivo.

Esse julgamento está marcado para a próxima terça-feira (9), um dia antes do jogo contra o Ceará. Isso não deve impedir o confronto pelo Nordestão com torcida, mesmo que o Sport tenha a pena confirmada, já que o os pernambucanos vão começar a vender os ingressos antes de serem julgados pelo STJD.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Formado em jornalismo pela PUC-Campinas em 2000, trabalhou como repórter e editor no Diário Lance, como repórter no GE.com, Jornal da Tarde (Estadão), Portal IG, como repórter e colunista (Painel FC) na Folha de S. Paulo e manteve uma coluna no portal UOL. Cobriu in loco três Copas do Mundo, quatro Copas América, uma Olimpíada, Pan-Americano, Copa das Confederações, Mundial de Clubes, Eliminatórias e finais de diversos campeonatos.
Leia mais