Ouvindo...

Times

Volante do Ceará pede time agressivo em decisão contra o CRB pela Copa do Brasil

Jogo nesta quinta-feira (23) será na Arena Castelão; time cearense precisa vencer por dois gols de diferença para se classificar direto para as oitavas de final

O Ceará precisa de gols se quiser avançar para as oitavas de final da Copa do Brasil. Como venceu a ida por 1 a 0, no início de maio, o CRB joga pelo empate nesta quinta-feira (23), na Arena Castelão, em Fortaleza. O jogo começa às 21h30 (de Brasília).

Para passar direto, o Vozão precisa bater os alagoanos por dois ou mais gols de diferença. Um triunfo por um gol leva a decisão para as cobranças de pênaltis. Para o volante Lourenço, o regulamento vai obrigar o Ceará a ser agressivo no confronto decisivo.

“Precisamos ser agressivos na maneira de jogar, mas com inteligência e sem perder o foco daquilo que queremos e precisamos dentro da partida, porque assim vamos aumentar a chance de conquistar nossa vaga. Temos que manter nossa pegada dos últimos jogos, com agressividade e marcação alta, pra vencer o jogo”, disse Lourenço.

A possibilidade de pênaltis para decidir a vaga não preocupa o jogador. Em 2024, o Ceará já foi campeão Estadual batendo o arquirrival Fortaleza na final, por 3 a 2 nas penalidades, após empate no agregado em 1 a 1. Lourenço fez um dos gols.

“Se acontecer no tempo normal, vai ser uma maravilha para nós, um alívio. Mas se tiver que passar de fase precisando ir para os pênaltis, a gente está pronto e ciente de que pode acontecer. É se preparar ao máximo para as duas situações”, afirmou o volante.

Lourenço foi contratado no início do ano, após fazer uma boa Série B pelo Vila Nova em 2023. Ele começou a temporada como titular, mas perdeu espaço nas últimas semanas. Vágner Mancini tem usado De Lucca e Guilherme Castilho no meio de campo.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Formado em jornalismo pela PUC-Campinas em 2000, trabalhou como repórter e editor no Diário Lance, como repórter no GE.com, Jornal da Tarde (Estadão), Portal IG, como repórter e colunista (Painel FC) na Folha de S. Paulo e manteve uma coluna no portal UOL. Cobriu in loco três Copas do Mundo, quatro Copas América, uma Olimpíada, Pan-Americano, Copa das Confederações, Mundial de Clubes, Eliminatórias e finais de diversos campeonatos.
Leia mais