Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Capa de celular e mais: árbitro relata objetos jogados em Palmeiras x Corinthians

Registro feito na súmula mostra que moeda também foi atirada no gramado da Arena Baureri

Uma capa de celular atirada em direção ao técnico António Oliveira e uma moeda arremessada para atingir o goleiro Cássio. Esses foram os objetos arremessados e atribuídos à torcida do Palmeiras durante o empate em 2 a 2 com o Corinthians, nesse domingo (18), na Arena Barueri, pela nona rodada do Campeonato Paulista.

Quem relatou o que foi encontrado no gramado durante o Dérbi foi o árbitro Raphael Claus. O registro foi feito na súmula do jogo e pode render punição ao Palmeiras.

Segundo o homem do apito, aos 52 minutos de jogo, uma moeda foi atirada em direção a Cássio, mas o goleiro corintiano não foi atingido. O torcedor foi identificado.

O mesmo não aconteceu com quem arremessou a capa de celular de plástico no técnico alvinegro António Oliveira, aos 69 minutos. O objeto também não atingiu o alvo.

Depois que os incidentes foram registrados, o sistema de som do estádio passou a solicitar que os palmeirenses não atirassem objetos no gramado. Nos clássicos paulistas, não há presença de torcida visitante.

Punição prevista

Segundo o artigo 213 do Código Desportivo Brasileiro, lançar objetos no campo pode render multa de R$ 100 a R$ 100 mil. Em casos mais graves, ainda há previsão de perda de mando de campo.

Participe do canal da Itatiaia no WhatsApp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

Brenno Costa é jornalista multimídia formado pela Universidade Católica de Pernambuco e pós-graduado em comunicação e marketing pela Estácio. Atualmente, é correspondente da Itatiaia em São Paulo. Antes, trabalhou na Folha de Pernambuco, Diario de Pernambuco/Superesportes e no Globo Esporte.
Leia mais