Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Com falhas de Cássio, Juventude vence o Corinthians pelo Campeonato Brasileiro

Equipe gaúcha soube se aproveitar de espaços deixados pelo Timão e conquistou sua primeira vitória

Nesta quarta-feira (17), o Juventude superou o Corinthians por 2 a 0 pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. No Alfredo Jaconi, a equipe gaúcha conquistou sua primeira vitória nesta competição, onde o Timão segue sem vencer.

O duelo começou de maneira equilibrada, com bons sinais ofensivos do Corinthians no primeiro tempo e estocadas perigosas do Juventude. A equipe alviverde cresceu na etapa complementar e se aproveitou de duas falhas de Cássio para carimbar a vitória.

Na primeira, o goleiro do Timão não alcançou chute despretensioso de Jean Carlos na intermediária. O gol da vitória veio em um erro de saída de bola do camisa 12, que deixou Lucas Barbosa com o gol aberto para ampliar.

O Corinthians volta a campo neste sábado (20) quando encara o Red Bull Bragantino fora de casa. O Juventude, por sua vez, vai ao Rio de Janeiro no domingo (21), onde encara o Botafogo.

Meias juntos

Rodrigo Garro e Igor Coronado tiveram a primeira oportunidade atuando juntos desde o início da partida. Os dois jogaram como meio-campistas centralizados, posicionados logo à frente de Raniele, responsável pelo combate.

Como esperado, o Corinthians demonstrou logo nos primeiros minutos que a parte técnica estava refinada, com dois “arcos” para as “flechas” do ataque. Defensivamente, porém, o time pareceu exposto às estocadas do Juventude.

Gol ou não?

A primeira oportunidade clara de gol do Corinthians saiu em uma jogada muito trabalhada com António Oliveira. Pelo meio, Coronado encontrou Fagner em velocidade, que cruzou para Yuri Alberto chutar com perigo.

A bola bateu rapidamente no lado de fora da rede, confundindo alguns torcedores nas arquibancadas, que comemoraram um gol que nunca existiu.

Juventude busca jogo

Se o Corinthians mostrou que seria o responsável por propor jogo, o Juventude respondeu que, no Alfredo Jaconi, faria jogo duro. O time de Róger Machado, após um mau início, subiu suas linhas de marcação e passou a anular a criatividade do Corinthians.

Em dado momento do primeiro tempo, Jean Carlos chegou a ficar cara a cara com Cássio, mas chutou fraco e parou no goleiro corintiano.

Cara a cara!

O Corinthians voltou mudado para o segundo tempo, com Maycon na vaga de Wesley. A equipe buscava ter maior controle do meio-campo, algo que surtiu efeito logo nos primeiros minutos da etapa complementar.

Aos 2 minutos, Rodrigo Garro recebeu no meio e deu lindo lançamento para Yuri Alberto. O camisa 9 deu bela arrancada, ficou cara a cara com Gabriel Vasconcellos, mas bateu em cima do goleiro do Juventude.

Quem não faz...

O Juventude respondeu logo à chance clara perdida pelo Corinthians. Em lance de contra-ataque, Jean Carlos conduziu pelo lado esquerdo e bateu forte. Cássio, que pareceu mal posicionado, viu a bola estufar suas redes.

O posicionamento do goleiro, inclusive, foi a principal contestação dos corintianos, irritados com o gol sofrido. E ficou a dúvida, se o ídolo histórico do Corinthians teria falhado, ou não, no gol do Juventude.

Se a postura de Cássio foi questionável no primeiro gol do Juventude, certamente não foi no segundo tento da equipe gaúcha. Afinal, o tento saiu de um passe errado do arqueiro alvinegro dentro da própria área corintiana.

No lance, o Juventude saiu para pressionar a saída de bola do goleiro, que buscou passe para Félix Torres. O toque ficou curto e encontrou o ataque adversário. Com gol aberto, Lucas Barbosa apenas tocou e ampliou o placar.

Juventude x Corinthians

Juventude

Gabriel Vasconcellos; João Lucas, Danilo Boza, Zé Marcos e Gabriel Inocêncio; Caíque, Jadson e Jean Carlos (Marcelinho); Nenê (Mandaca), Lucas Barbosa (Ruan) e Erick Farias (Werik Popó). Técnico: Roger Machado.

Corinthians

Cássio; Fagner, Félix Torres, Gustavo Henrique e Hugo; Raniele (Fausto Vera), Rodrigo Garro e Igor Coronado; Romero (Gustavo Mosquito), Wesley (Maycon) e Yuri Alberto (Pedro Raul).

Motivo: Jogo da 2ª rodada da Série A o Campeonato Brasileiro
Local: Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul - RS
Data e hora: 17 de abril de 2024, às 20h(de Brasília)
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (Fifa-RJ)
Assistentes: Bruno Boschilia (Fifa-RJ) e Thiago Rosa de Oliveira (RJ).
Arbitro de vídeo: Paulo Renato Moreira (RJ).
Gols:
Jean Carlos (8 min 2ºT) e Lucas Barbosa (13 min 2ºT), para o Juventude
Cartões amarelos:
Caíque, do Juventude
Rodrigo Garro, do Corinthians
Cartões vermelhos:
Jadson, do Juventude

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Jornalista formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Responsável por acompanhar o dia a dia de Corinthians e Santos pela Itatiaia Esporte. Passagem também como repórter do portal Meu Timão
Leia mais