Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Tchê Tchê avalia queda do Botafogo no Brasileirão: ‘Deixei tudo que podia’

Volante foi um dos pilares do Botafogo ao longo da temporada marcada por um primeiro turno de Brasileirão excelente e uma reta final frustrante

O CRÉDITO DA FOTO É OBRIGATÓRIO: Vítor Silva/Botafogo

Tchê Tchê, em partida entre Botafogo e Santos, pelo Brasileirão de 2023

Vítor Silva/Botafogo

Um dos titulares absolutos do Botafogo em 2023, Tchê Tchê falou sobre a queda do time no segundo turno do Brasileirão nesta quinta (7), ao participar do Prêmio ESPN Bola de Prata O Alvinegro desperdiçou uma vantagem de 13 pontos na liderança e terminou a Série na quinta posição após 11 rodadas sem vitórias.

"É assim. No futebol, na vida, você perde bem mais do que ganha. As vitórias ficam lembradas, os títulos, mas a vida é assim. O que fica são essas coisas, a família que nos abraça, ficamos chateados por não ter vencido, mas a vida tem que seguir”, disse Tchê Tchê.

“Temos a oportunidade grande no ano que vem, de continuar fazendo essa história, continuar fazendo o torcedor voltar a sonhar. Foi algo que fizemos durante boa parte da temporada. Pedimos desculpas por não ter conseguido, mas posso dizer que deixei tudo o que podia”, completou.

Com o término do Brasileirão, o elenco do Botafogo entra de férias a partir desta quinta (7). O início do Carioca está previsto para 17 de janeiro, e, em 2024, o Alvinegro ainda disputará a Libertadores, a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro.

Aos 31 anos, Tchê Tchê é uma das certezas do Botafogo para o próximo ano. O jogador, com passagens por São Paulo, Palmeiras e Atlético, tem contrato com o Glorioso até 31 de dezembro de 2024.
Com o término do Brasileirão, o elenco do Botafogo entra de férias a partir desta quinta (7). O início do Carioca está previsto para 17 de janeiro, e, em 2024, o Alvinegro ainda disputará a Libertadores, a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro.

Aos 31 anos, Tchê Tchê é uma das certezas do Botafogo para o próximo ano. O jogador, com passagens por São Paulo, Palmeiras e Atlético, tem contrato com o Glorioso até 31 de dezembro de 2024.

Jornalista e correspondente da Itatiaia no Rio de Janeiro. Apaixonado por esportes, pela arquibancada e contra torcida única.
Leia mais