Ouvindo...

Times

Veja o que o Atlético precisa fazer para ser 1º colocado geral na Libertadores

O Galo encerra nesta terça-feira (28) a participação na fase de grupos do torneio

Líder isolado do Grupo G da Copa Libertadores e já classificado às oitavas, o Atlético ainda sonha com o primeiro lugar geral, para decidir em casa até a semifinal. Porém, para atingir o objetivo, o time comandado pelo técnico Gabriel Milito, que acumula 12 pontos, não depende só de si. Vencer o Caracas, da Venezuela, é obrigação a ser cumprida nesta terça-feira (28). As duas equipes se enfrentam a partir das 19h (de Brasília), na Arena MRV.

Além de derrotar o lanterna, o Alvinegro precisará também “ligar o secador” e torcer para que duas equipes argentinas e outra brasileira não vençam nesta sexta rodada do torneio de clubes mais importante da América do Sul.

Leia também

Líder do Grupo B, com 13 pontos conquistados, o Talleres vem ao Brasil para encarar o São Paulo, no Morumbis. Os dois times se enfrentam na quarta (29), a partir das 21h30 (de Brasília). No dia seguinte, outros dois confrontos interessam diretamente ao Galo.

A partir das 19h (de Brasília), o Palmeiras recebe o San Lorenzo, no Allinz Parque. Também com 13 pontos, o time comandado pelo técnico Abel Ferreira quer a vitória para brigar pela primeira colocação geral.

Duas horas depois, o River Plate entra em campo e, no Monumental de Nuñez, escolhido como palco da decisão desta edição, enfrenta o Deportivo Táchira, da Venezuela. Com a mesma pontuação de Talleres e Palmeiras, os argentinos também estão na briga pelo topo.


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Henrique André é repórter multimídia e setorista do Atlético na Itatiaia. Acumula passagens por Uol Esporte, Jornal Hoje em Dia e outros veículos. Participou da cobertura de grandes eventos, como Copas do Mundo (2014-18) e Olimpíada (2016-2021).
Leia mais