Ouvindo...

Times

Negociação entre Atlético e Hulk teve diretor do Cruzeiro como peça-chave

Atacante Hulk foi contratado pelo Atlético em 2021, mas as negociações iniciaram no ano anterior, quando Alexandre Mattos trabalhava no clube

Ídolo do Atlético, Hulk é considerado uma das maiores contratações da história do clube. Em entrevista nesta segunda-feira (20) ao ‘GaloCast’, o atacante deu detalhes de como foi sua negociação para retornar ao Brasil. Segundo ele, o primeiro contato do Alvinegro foi feito através de Alexandre Mattos, atual diretor de futebol do Cruzeiro que na época trabalhava no Galo.

“Estávamos na pandemia. O Campeonato da Champions da Ásia foi uma bolha, fechado. Não podíamos sair. O surto estava muito grande. Liberaram a gente para irmos para o Brasil, e eu fui até assistir um jogo do Palmeiras. Muitos achavam que eu iria fechar com o Palmeiras. Eu falava: ‘Tenho contrato na China. Impossível me liberarem’. Muitos clubes procuraram. Em dezembro, eu iria estar livre”, contou Hulk.

“Voltei para a China, aí o telefone começou a tocar. Era o segundo semestre de 2020. O primeiro contato do Galo foi pelo Alexandre Mattos. Ele estava aqui e mandou uma mensagem: ‘Hulk, sempre quis te levar para o Palmeiras, agora quero te tirar do Palmeiras’. Falei: ‘Como assim?’. Ele achava que eu estava fechado com o Palmeiras. ‘Isso é a imprensa que vende’”, finalizou.

Leia também

Contratado pelo Atlético em 2020, Alexandre Mattos foi peça fundamental na formação do time que conquistou a Tríplice Coroa em 2021. Ao todo, foram 11 contratações, um título de Campeonato Mineiro e mais de R$ 140 milhões gastos. No início do ano seguinte, o Galo acertou com Rodrigo Caetano para a função, que assinou com Hulk.

“O Rodrigo Caetano assumiu, e as conversas ficaram mais intensas. Muita gente falou bem do Rodrigo. Já estava com 30 dias de férias e falei para minha esposa: ‘Estou cansado de férias. Temos que decidir nosso futuro’. (...) Foi me apresentado o que o clube tinha em mente. Falei: ‘Vou para o Galo’. Mandei um vídeo no grupo da família. ‘A partir de hoje, toda a família é Galo’”, relembrou o atacante.

Desde 2021, quando retornou ao país após quase duas décadas fora, Hulk acumulou 193 partidas pelo Atlético. Ídolo do torcedor alvinegro, ele marcou 102 gols e soma sete conquistas: um Brasileirão, uma Copa do Brasil, uma Supercopa do Brasil e outras quatro edições do Campeonato Mineiro.


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Jornalista pela PUC Minas, Pedro Leite é repórter de esportes da Itatiaia. Tem experiência na cobertura diária de portais, redes sociais e jornal impresso. Apaixonado por futebol, já passou pelo Superesportes.
Leia mais