Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Hulk, do Atlético, analisa reencontro com árbitro que o expulsou em último clássico com América

Rodrigo José Pereira de Lima apitou o último encontro entre as equipes e aplicou cartão vermelho para o camisa 7 do Galo

América e Atlético fazem clássico neste sábado (24) no Independência, pela sétima rodada da primeira fase do Campeonato Mineiro. A bola rola às 16h30 (de Brasília) e pode definir a classificação de uma das equipes às semifinais da competição.

O duelo também marca um reencontro que rendeu muitas polêmicas em 2023, envolvendo Hulk, do Atlético, e o árbitro Rodrigo José Pereira de Lima. No segundo turno da Série A do Campeonato Brasileiro do ano passado, Coelho e Galo ficaram no 1 a 1 em Uberlândia.

Por conta de fortes reclamações direcionadas à arbitragem, Hulk recebeu cartão vermelho direto já depois do apito final. Ele teria indicado que o árbitro estava “roubando”, mas após mais de três meses, o camisa 7 atleticano se mostrou arrependido e pronto para não cometer o mesmo erro.

“Não me preocupo em nenhum momento [com o reencontro], são coisas passadas. A vida é assim, não só a profissão. A gente erra e procura consertar nossos erros para que não erre mais dessa forma. Eu fui expulso naquele jogo contra o América, com o mesmo árbitro, porque eu mereci ser expulso. Fiz um gesto que não é legal, que não pode ser feito. Saí de cabeça quente, falando coisas que não se deve. Ele [árbitro] fez o trabalho dele, me expulsou porque mereci. Temos que focar para que não aconteça mais isso, amanhã é um novo episódio, esperamos ter um grande espetáculo”, frisou Hulk em entrevista coletiva nesta sexta-feira (23).

Leia também

Cenário no Campeonato Mineiro

Após seis jogos, o alvinegro soma 10 pontos e está na liderança do grupo B, com dois pontos a mais que o Villa Nova. O Galo garante classificação como líder da chave já nesta rodada em caso de vitória no clássico e se o Leão do Bonfim não vencer o Tombense.

Caso Atlético e América fiquem no empate, o alvinegro estará virtualmente classificado desde que o Villa Nova perca para o Tombense. Nesse caso, o Galo só seria ultrapassado se perder para o Ipatinga na última rodada e o Villa golear o Tombense com grande margem no placar.

Por fim, se o Atlético perder o clássico, só poderá garantir classificação na última rodada.

Participe do canal da Itatiaia no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

Jornalista formado na PUC Minas. Experiência com reportagens, apresentação e edição de texto em televisão, rádio e web. Vivência em editorias de Cidades e Esportes.
Leia mais