Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Cauan de Almeida vê ‘estreia difícil’ do América na Série B e cobra atenção com bola aérea

Diante do Botafogo-SP em Ribeirão Preto, o Coelho sofreu empate em jogada de bola aérea nos acréscimos e começou Série B com um ponto

O técnico Cauan de Almeida, do América, analisou o empate diante do Botafogo-SP na estreia da Série B do Campeonato Brasileiro 2024. Nessa sexta-feira (19), em Ribeirão Preto, Coelho e Pantera ficaram no 1 a 1 e começaram a briga pelo acesso à elite com um ponto cada.

Renato Marques abriu o placar para o Coelho já na segunda etapa, mas Bernardo Schappo empatou para os donos da casa em jogada aérea nos acréscimos do jogo. Cauan viu estreia como difícil, pensando no período sem jogos das equipes, mas valorizou o adversário da 1ª rodada da Série B.

“Toda estreia é muito difícil, o nível de ansiedade aumenta muito. Mentalmente falando, os jogadores, por mais que sejam experientes na competição, é normal do ser humano ter um pouco de ansiedade, principalmente depois de muito tempo sem jogar um jogo oficial. Isso para as duas equipes, mas no nosso caso, com um ritmo de jogo alto, nós sentimos um pouco essa falta de jogos. Entendemos que seria um jogo complicado, o Botafogo-SP é uma equipe muito organizada, os três zagueiros são muito altos, e nós sabíamos da dificuldade”, afirmou em entrevista coletiva.

Leia também

O comandante americano destacou o cuidado da equipe com a bola aérea defensiva e lamentou mais um gol sofrido nesse tipo de jogada, ainda mais na reta final da partida. Na avaliação dele, a situação é “muito importante” e terá envolvimento de todos no clube para não acontecer novamente.

“Tentamos encaixar nosso ritmo, entendemos que fomos melhores no segundo tempo, e no finalzinho um pecado. A gente tem trabalhado isso internamente, claro que, quando esse tipo de lance acontece com uma repetição maior, a gente vai ter a atenção necessária para envolver todos do clube para resolver a situação, que é muito importante”, completou.

Cauan de Almeida terá menos de dez dias para tentar “resolver” o problema da bola aérea defensiva. No dia 27 de abril, o América recebe o Novorizontino em Belo Horizonte, pela 2ª rodada da Série B. O próximo adversário venceu o CRB na estreia da competição.


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Jornalista formado na PUC Minas. Experiência com reportagens, apresentação e edição de texto em televisão, rádio e web. Vivência em editorias de Cidades e Esportes.
Fabrício Calazans se formou em jornalismo no UniBH. Ingressou na Itatiaia como estagiário em 2010 e passou por edição, reportagem, produção e apresentação. No “ar”, iniciou cobrindo a Copa Itatiaia. Foi também setorista da Federação Mineira de Futebol, apresentador do Apito Final e plantão nas Jornadas Esportivas. Atualmente faz a cobertura do América. Tem no currículo participações em eventos nacionais e internacionais de futebol e esportes olímpicos.
Leia mais