Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Clubes votarão aumento do número de estrangeiros em jogos do Brasileiro

No ano passado, uma mudança na regra permitiu que os clubes relacionassem até sete gringos para as partidas

Os 20 clubes da Série A do Campeonato Brasileiro vão se reunir, nos próximos dias, para discutir o aumento do limite no número de estrangeiros no futebol nacional. Atualmente, os times podem relacionar até sete gringos para as partidas.

Segundo apurou a Itatiaia, na próxima votação do Conselho Técnico da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), no Rio de Janeiro, será proposto que os clubes possam relacionar nove estrangeiros para os jogos.

A tendência é que a reunião seja feita entre o fim de fevereiro e o início de março, já que a votação deve ser feita 45 dias antes do início do Brasileirão. A Série A será disputada entre os dias 14 de abril e 8 de dezembro.

Se a medida for aprovada, o Brasil se tornaria o país com a maior aceitação de gringos nas ligas da América do Sul. Vale ressaltar que, em fevereiro do ano passado, os clubes da Série A aprovaram a mudança da regra de cinco para sete jogadores de fora.

Na América do Sul, o Equador é o país que mais aceita estrangeiros, com oito atletas. No futebol argentino, o limite é de seis jogadores, sendo que cinco podem ser relacionados para os confrontos.

No México, nove estrangeiros podem integrar os elencos do país, enquanto, nos Estados Unidos, não há limites para o número de gringos.

Leia também

Participe do canal da Itatiaia no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

Leonardo Garcia Gimenez é repórter multimídia na Itatiaia. Natural de Arcos-MG e criado em Iguatama-MG. Passou também pela Record Minas.
Mineiro de Formiga, Wellington Campos está na Rádio Itatiaia desde agosto de 1990, atuando como correspondente no Rio de Janeiro, cobrindo o dia-a-dia da CBF, Seleção Brasileira e STJD, além dos clubes cariocas e os esportes olímpicos. Participou das coberturas das Copas do Mundo de 1994 (EUA), 1998 (França), 2002 (Coréia do Sul e Japão), 2006 (Alemanha), 2010 (África do Sul) e 2014 (Brasil).
Leia mais