Ouvindo...

Times

Ex-goleiro do Cruzeiro é vítima de racismo em jogo da Divisão de Acesso do Goiano

Elissom, goleiro do Abecat Ouvidorense, demonstrou indignação também com falta de ação de policiais

Ex-goleiro do Cruzeiro, Elissom, de 37 anos, foi vítima de racismo durante o jogo entre o Abecat Ouvidorense, seu clube, e a Anapolina, pela Divisão de Acesso do Campeonato Goiano. Fora de casa, o time do jogador de Belo Horizonte perdeu por 2 a 1.

De acordo com relato feito por Elissom nas redes sociais, um torcedor o chamou de ‘preto fedido’. Revoltado, o jogador afirmou ainda que relatou as ofensas a quatro policiais, mas eles não tentaram conter o responsável pelas ofensas.

“Passando aqui para informar que fui vítima de racismo aqui em Anápolis, jogando contra o Anapolina. Um torcedor me chamou de preto fedido. Relatei para quatro policiais negros e nada foi feito. Eles vendo, eu apontando quem foi e eles não fizeram nada. Chamei eles, mostrei que estavam indo embora. ‘Foi aquela mulher, aquele rapaz’ e eles nada fizeram, quatro policiais negros negaram solidariedade a um negro”, disse Elissom.

O goleiro pediu para que os seguidores compartilhem o relato para que ele consiga punir o torcedor que proferiu as ofensas racistas.

“Quem é que está errado? São os racistas. Por quê? Até quando eles vão continuar fazendo isso? Quem deveria nos proteger, simplesmente virou as costas. E, mais uma vez, eles (racistas) continuam impunes. Peço a vocês que compartilhem isso o máximo possível, porque fogo nos racistas é o que nós queremos. Não deixem esse vídeo calar, fogo nos racistas”, completou.

Até a publicação desta matéria, a Federação Goiana de Futebol não fez nenhuma publicação sobre o assunto. O Abecat Ouvidorense também não comentou o caso, enquanto a Anapolina trancou os comentários das publicações no Instagram.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Túlio Kaizer é jornalista esportivo com grande experiência no digital. Foi setorista dos três grandes clubes do futebol mineiro: América, Atlético e Cruzeiro. Cobre também basquete, vôlei, esportes americanos, esportes olímpicos e e-sports.
Leia mais