Ouça a rádio

Compartilhe

Bolsonaro decreta luto oficial de três dias pela morte de Shinzo Abe

Presidente usou as redes sociais para lamentar morte de ex-premiê japonês

Presidente Jair Bolsonaro e premiê japonês

O presidente Jair Bolsonaro (PL) lamentou a morte do ex-primeiro-ministro japonês Shinzo Abe e decretou luto de três dias em homenagem ao líder japonês.

Por meio de suas redes sociais, Bolsonaro destacou o ex-premiê como um "grande amigo do Brasil".

"Recebo com extrema indignação e pesar a notícia da morte de Shinzo Abe" publicou. "Líder brilhante e que foi um grande amigo do Brasil. Estendo à família de Abe, bem como aos nossos irmãos japoneses, a minha solidariedade e o desejo de que Deus cuide de suas almas neste momento de dor."

Abe morreu nesta sexta-feira (8), após ser baleado enquanto fazia um discurso na cidade de Nara, no oeste do Japão. O responsável pelos disparos foi detido. Bolsonaro classificou o caso como "uma crueldade injustificável". "Que seu assassinato seja punido com rigor", pontuou o presidente.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store