Ouça a rádio

Compartilhe

'Acreditamos que vamos reverter a suspensão do Rodoanel' diz secretário de Infraestrutura 

Governo estadual se manifestou no processo que suspendeu Rodoanel e espera manter o leilão dia 28 de julho 

Secretário de Infraestrutura, Fernando Marcato

O secretário de Estado de Infraestrutura, Fernando Marcato, afirmou nesta sexta-feira (8), em entrevista à Itatiaia, que o estado já protocolou na Justiça os esclarecimentos sobre a obra do Rodoanel Metropolitana e espera manter o leilão no dia 28 de julho. 

“O estado não foi ouvido antes da decisão ser tomada. Agora o estado está se manifestando no processo. Foi uma decisão preliminar, não é final. O estado está confiante em conseguir reverter essa decisão. Em princípio, o leilão está marcado para dia 28. Vamos ter que avaliar se faz sentido dar uma ou duas semanas de prazo, porque os interessados ficam um pouco indecisos se devem continuar os estudos ou não. Mas ainda não tomamos essa decisão”, explicou Marcato.  

O leilão do Rodoanel foi suspenso na quarta-feira (6), por meio de uma decisão do juiz Haroldo Dias Dutra, da 3ª Vara Empresarial de Fazenda Pública, da comarca de Contagem. 

A decisão atendeu a um pedido da prefeitura de Contagem, que alega que o projeto atual possui erros de planejamento e pode representar um risco ambiental e cultural para a cidade. Segundo a prefeitura, a construção da nova rodovia teria grande impacto na área de proteção ambiental de Vargem das Flores. 

"Prejuízo ambiental"

A prefeita Marília Campos (PT) afirma que o projeto poderá trazer prejuízos para Contagem e por isso pede a revisão do traçado.

“Esse traçado traz um prejuízo ambiental. Não podemos ter uma solução para o Anel Rodoviário, que tem que ter, sacrificando uma cidade de Contagem, como a de Betim também está sendo sacrificada. São duas cidades que terão impacto muito negativo se esse traçado for mantido", diz a prefeita.

A suspensão vale até o julgamento do mérito ou até que seja feita uma readequação no traçado da estrada, sob pena de multa diária no valor de R$ 100 mil. 

O secretário de Infraestrutura rebate as críticas feitas ao traçado atual e diz todos os detalhes do projeto foram apresentados e discutidos com os prefeitos da Região Metropolitana de BH.

Solução para Anel Rodoviário

O projeto do Rodoanel é considerado pelo governo estadual a principal solução para os acidentes frequentes do Anel Rodoviário de BH. O trecho é um dos mais violentos da capital mineira, com altos índices de mortes. O secretário avalia que a obra é fundamental para a mobilidade na Região Metropolitana.

“O rodoanel é a solução estruturante para o problema de mobilidade da Região Metropolitana de Belo Horizonte, especificamente para solucionar o Anel Rodoviário. O Rodoanel é uma nova rodovia, de 100 quilômetros que vai ser construída do zero. Ele vai começar na BR-040 (sentido RJ), passará pela BR-381 (sentido SP), pela BR-040 (sentido Brasília) e BR-381 (sentido Governador Valadares). Ou seja, para cruzar a Região Metropolitana você não vai precisar mais passar pelo Anel Rodoviário ou pela Via Expressa. Isso representará a redução de tempo, de Contagem, você vai ganhar 40 minutos para ir ao aeroporto, em outros locais você ganhará 1 hora. Uma via expressa, sem interferências, que vai tirar o trânsito de dentro das cidades e vai tirar os caminhões da região central”, explicou Marcato.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store