Ouça a rádio

Compartilhe

TCU vai investigar denúncias de assédio contra ex-presidente da Caixa 

Pedro Guimarães deixou comando do banco após denúncias de várias funcionárias

Pedro Guimarães, ex-presidente da Caixa

O Tribunal de Contas da União (TCU) abriu uma investigação para apurar as denúncias de assédio sexual e moral contra Pedro Guimarães, ex-presidente da Caixa. 

O órgão vai apurar se Guimarães, no exercício da presidência do banco estatal, cometeu assédio sexual e moral contra empregadas e empregados da instituição, o que, “além de caracterizar prática criminosa, configura flagrante violação ao princípio administrativo da moralidade”. 

Guimarães deixou o comando do banco na semana passada, após virem à tona denúncias de várias funcionárias do banco. Segundo denúncias, o então presidente se comportava de forma inapropriada e constrangia funcionárias.

Por meio de nota, o ex-presidente da Caixa afirmou que tem sido alvo de acusações falsas e negou as denúncias de assédio. "As acusações noticiadas não são verdadeiras! Repito: as acusações não são verdadeiras e não refletem a minha postura profissional e nem pessoal. Tenho a plena certeza de que estas acusações não se sustentarão ao passar por uma avaliação técnica e isenta", escreveu Guimarães.


Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store