Ouça a rádio

Compartilhe

Paulo Guedes avalia que Brasil está atrasado no processo para entrar na OCDE

Ministro da Economia afirmou que o processo de acessão ao órgão pode ser longo, mas será importante para melhorar ambiente econômico do país 

Ministro da Economia Paulo Guedes

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta terça (21), que o Brasil está atrasado no processo de adesão à Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) A declaração foi feita no evento de abertura do evento Semana Brasil-OCDE.

Segundo Guedes, interessa ao Brasil receber o que considera a influência positiva da OCDE para a melhora do ambiente econômico. Apesar disso, ele admitiu que o processo que acessão ao organismo internacional é longo e pode ter algum tempo pela frente.

"O processo de acessão à OCDE é longo e pode ter algum tempo pela frente. O Brasil está atrasado, nos interessa receber influência favorável da OCDE. E é importante para a OCDE que Brasil entre, é a maior potência verde do planeta", disse.

Em junho, o Conselho da OCDE aprovou o roadmap (roteiro) do Brasil para iniciar formalmente o processo de entrada do País na entidade que tem sede em Paris. A decisão foi em nível ministerial e apenas pode ir adiante quando é determinada por consenso.

Prioridade

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão (Republicanos), afirmou que a acessão do Brasil à Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) é prioridade da política externa do País. A declaração foi feita no evento de abertura do evento Semana Brasil-OCDE, no Itamaraty.

Segundo Mourão, o País construiu instituições sólidas ao longo dos anos. Além disso, ele disse que "é incontestável o compromisso do Brasil com sustentabilidade".


Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido