Ouça a rádio

Compartilhe

Eduardo Leite anuncia que vai disputar o governo do Rio Grande do Sul 

Ex-governador deixou o cargo em março para disputar a presidência da República, mas perdeu as prévias no PSDB

Eduardo Leite tentou se cacifar para o Planalto, mas teve os planos frustados

O ex-governador do Rio Grande do Sul Eduardo Leite (PSDB), que deixou o governo estadual em março deste ano, anunciou nesta segunda-feira (13) que vai tentar se reeleger em outubro. 

Menos de 80 dias após deixar o cargo para tentar disputar a presidência da República e afirmar que não existia “nenhuma possibilidade” de tentar a reeleição no governo gaúcho, Leite mudou de ideia. 

Em uma transmissão ao vivo em suas redes sociais, ao lado do atual governador Ranolfo Júnior (PSDB), Eduardo Leite afirmou que vai tentar quebrar o tabu no Rio Grande do Sul, que nunca reelegeu um governador. 

“Essa é uma decisão coletiva. Ouvi diversas opiniões, não só a minha. E eu mudei de opinião, mas não de princípios. É legítimo, é benéfico, separar o governador do candidato e eu só concorreria dessa forma. O Rio Grande do Sul virou o jogo, mas o jogo não terminou”, disse Leite. 

PSDB sem candidato

O anúncio de Leite aconteceu horas depois que o ex-governador de São Paulo João Doria - outro político do PSDB que deixou o governo estadual para disputar a presidência - anunciou que voltará a atuar no setor privado.

Em café com jornalistas, Doria disse que vai fazer parte do conselho da Lide, entidade criada por ele, a partir de 1º de julho.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido