Ouça a rádio

Compartilhe

ONG britânica treina ratos para operações inacessíveis aos cachorros

"Ratos Herois", como é chamado o projeto, conta com 170 roedores sendo treinados em Morogoro, na Tanzânia

A expectativa é que os ratos possam detectar, por exemplo, minas terrestres e tuberculose

É muito comum vermos cachorros sendo treinados para situações de resgate a vítimas de terremotos e desabamentos, por exemplo. Entretanto, a ONG britânica APOPO foi além, e passou a treinar ratos para situações em que nem mesmo os caninos conseguem ajudar.

Chamado "Ratos Herois", o projeto conta com 170 "alunos roedores", liderados pela cientista escocesa Donna Kean, de 33 anos, baseada em Morogoro, na Tanzânia, onde acontecem os treinamentos.

Um dos principais focos da APOPO são as áreas atingidas por terremotos. Há uma parceria com o governo da Turquia, país propenso a sofrer abalos sísmicos.

Atualmente, os animais estão sendo treinados para projetos diversos, incluindo a detecção de minas terrestres e tuberculose. A expectativa é que os ratos possam farejar ainda a brucelose, uma doença infecciosa que afeta o gado.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido