Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Mineira do UFC revela idolatria por ex-campeã Amanda Nunes: ‘Inspiração para muitas mulheres’

Natália Silva, que luta neste sábado contra Andrea Lee, vê MMA feminino brasileiro com potencial para novas grandes atletas

Quando se fala em MMA feminino no Brasil, logo vem à cabeça o nome de Amanda Nunes. A Leoa fez história no UFC, foi campeã de duas categorias e se aposentou como uma das maiores lutadoras da história - se não for a maior. A baiana é inspiração para novas atletas.

A mineira Natália Silva, de apenas 26 anos, vem trilhando um caminho promissor no UFC. A lutadora de Timóteo está invicta na organização, com duas vitórias por nocaute e uma por decisão. Ela vê Amanda como grande inspiração para outras mulheres que sonham em lutar no octógono mais famosa do mundo.

“A Amanda é incrível. Ela se aposentou com uma carreira maravilhosa. Ela é inspiração para muitas mulheres”, disse Natália, em entrevista exclusiva à Itatiaia.

Amanda se aposentou em junho deste ano. A Leoa era campeã das categorias peso-pena e peso-galo do UFC e teve vitórias épicas contra Miesha Tate, Ronda Rousey, Cris Cyborg e Holly Holm. À reportagem, Natália Silva não quis falar em sucessão da lenda brasileira, mas vê muitas mulheres com potencial para escrever uma história de sucesso na maior organização de MMA do mundo.

“Falar em sucessão é muito forte. Mas tenho certeza que, no Brasil, muitas meninas têm potencial para escrever uma história tão bonita quanto a da Amanda. Eu estou aqui, quero fazer isso, quero escrever minha história. Existem muitas outras meninas, são muitas brasileiras ranqueadas no UFC. Nós, brasileiras, lutamos com todo o nosso coração. Nós temos muito potencial”, afirmou Natália, completando.

“Para chegar onde nós chegamos não é fácil. Ser atleta no Brasil não é fácil, são muitas dificuldades para enfrentar. Quando um atleta chega ao UFC, é porque ele nadou muito, teve muita coragem, muita força. São muitas mulheres brasileiras que têm potencial de se tornarem tão incríveis e escreverem histórias tão incríveis como a da Amanda”, concluiu.

Natália Silva entra no octógono neste sábado (19) para enfrentar a norte-americana Andrea Lee, número 13 do ranking da categoria peso-mosca feminino. O UFC 292, que conta com duas disputas de cinturão, será realizado no TD Garden, em Boston, nos Estados Unidos.

Leonardo Parrela é repórter multimídia na área de esportes na Itatiaia. É formado em Jornalismo pela PUC Minas. Antes da Itatiaia, colaborou com Globo Esporte, UOL Esporte e Hoje Em Dia, onde cobriu Copa do Mundo, Olimpíada e grandes eventos.
Túlio Kaizer é jornalista esportivo com grande experiência no digital. Foi setorista dos três grandes clubes do futebol mineiro: América, Atlético e Cruzeiro. Cobre também basquete, vôlei, esportes americanos, esportes olímpicos e e-sports.
Leia mais