Ouça a rádio

Compartilhe

Como descobrir se seu celular está sendo espionado

E a melhor forma de excluir apps espiões do dispositivo

Uso de apps espiões por parceiros é considerado normal por 30% dos brasileiros

Um estudo apresentado pela Kaspersky no início do mês aponta que 30% dos brasileiros acreditam que espionar o parceiro a partir de aplicativos de monitoramento instalados no celular é aceitável. Enquanto 14% avaliam a prática como normal, 16% acham aceitável em certas circunstâncias. 

O levantamento revela, ainda, que 26% dos entrevistados suspeitam que seus celulares são rastreados por apps instalados pelos parceiros e que 23% aceitariam a instalação dessas ferramentas. Segundo a pesquisa, 47% dos participantes tentariam falar com o parceiro se descobrissem que estão sendo espionados por aplicativos instalados em seus celulares. 

Ao encontrar um app espião no celular, 33% afirmam que procurariam o que fazer na internet e 23% buscariam ajuda técnica. Apenas 21% recorreriam à polícia e 20% a centros de apoio contra abuso. Por outro lado, 55% dos entrevistados procurariam apagar o app do celular se o localizassem. 

Entre entrevistados, 47% tentariam falar com parceiro se encontrassem app espião no celular

Quando o software de monitoramento é apagado, elimina-se a prova do crime de perseguição. Especialistas em segurança pública recomendam que se busque o apoio de autoridades e instituições. Vale, ainda, procurar uma assistência especializada para fazer a preservação técnica do material ou um parecer.

Como saber se seu celular está sendo espionado?

Um dos principais indicativos de que o dispositivo pode estar sendo rastreado é a presença de aplicativos suspeitos ou que o usuário não tenha instalado. Além disso, é comum que esses programas consumam muita bateria — uma vez que passam o tempo todo em ação para registrar as movimentações do aparelho: sites acessados, uso da câmera e do microfone, digitação de dados e assim por diante.

Vale observar, portanto, se o smartphone está mais lento ou aquece mais que o normal. Se esse for o caso, pode ser interessante usar uma ferramenta de detecção. Uma opção é o Hidden Apps Detector, disponível na Google Play, que mostra programas que estão ocultos no celular. 

Ferramenta encontra apps escondiddos no celular

Se houver apps indesejados, basta tocar neles e desinstalar. Lembre-se de que nem todos os apps mostrados pela ferramenta fazem mal ao celular — alguns, inclusive, são fundamentais para o funcionamento do sistema operacional. Então, antes de desinstalar qualquer software, pesquise sobre o que ele faz.

Existem apps espiões que não permitem a remoção. Nesse caso, é preciso restaurar as configurações de fábrica do smartphone — certifique-se de fazer backup antes. Com o aparelho formatado, reinstale o Hidden Apps Detector para ter certeza de que os apps espiões foram eliminados.

Para manter o aparelho seguro, não o deixe com a tela destravada nem compartilhe senhas e informações de segurança. Manter sistemas operacionais atualizados e softwares de proteção ativos ajuda a detectar e impedir o uso de soluções de monitoramento instaladas sem consentimento.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido