Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Presidente do Minas exalta participação no Pan de Santiago e mira sucesso na Olimpíada

Tradicional clube formador de atletas olímpicos terá 20 representantes em Santiago e quer repetir sucesso histórico

Começam oficialmente nesta sexta-feira (20) os Jogos Pan-Americanos de Santiago, no Chile. A data marca a cerimônia de inauguração, mesmo com alguns eventos já em andamento na capital chilena. De olho na participação brasileira, o Minas Tênis Clube quer não só manter a tradição histórica na competição, mas também intensificar a preparação para a Olimpíada de Paris em 2024.

“Esse ciclo vai ser o mais curto da história, causado pela pandemia. Mas tenho certeza que, assim como nossos atletas fizeram bonito nos Jogos de Tóquio, vamos colher bons frutos tanto nos Jogos Pan-Americanos como na Olimpíada de Paris”, destacou o presidente do Minas, Carlos Henrique Martins Teixeira.

Teixeira lembrou que a equipe minastenista é presença certa no Pan desde a segunda edição, ainda na década de 1950, o que é motivo de orgulho para a instituição e incentivo para manter a força também no cenário internacional. O presidente citou o desempenho no Pan de Lima, em 2019 e quer ver ainda mais medalhas para o Minas este ano em Santiago.

Nos últimos jogos, em Lima, no Peru, nossos atletas conquistaram 16 medalhas, a maioria na natação, mas tivemos representantes no judô e na ginástica de trampolim, além das equipes feminina e masculina de vôlei. Assim como no Pan de 2019, acredito que vamos conquistar muitas medalhas neste ano”, afirmou.

Ainda pensando no ciclo olímpico, que acabou reduzido por conta da pandemia da Covid-19, Teixeira elogiou tanto a estrutura como os profissionais envolvidos na preparação dos atletas minastenistas. Além do mais, ele avalia que o Pan pode ajudar no processo de recrutamento de talentos internacionais e manter a tradição do clube em inúmeras modalidades olímpicas.

Programação dos atletas do Minas no Pan 2023

Natação - 21 a 25 de outubro

  • Fernando Scheffer - 200m livre e revezamento 4x200m livre

  • Gabriel Fantoni - 100m costas

  • Vinicius Lanza - 100m borboleta e 200m medley

  • Victor Baganha - 100m borboleta

  • Fernanda Goeij - 200m costas

  • Delfina Dini (Argentina) - 800m livre

  • Julia Sebastian (Argentina) - 100m e 200m peito

  • Tatiana Ribeiro - Fisioterapeuta

Ginástica Artística - 21 a 25 de outubro

  • Bernardo Actos - Ginasta

  • Vôlei Feminino - 21 a 26 de outubro

  • Yonkaira Peña - Ponteira (República Dominicana)

  • Nicola Negro - Técnico (México)

Judô - 28 a 31 de outubro

  • Amanda Lima - Ligeiro (48kg)

  • Guilherme Schimidt - Meio-médio (81kg)

  • Kayo Santos - Meio-pesado (100kg)

Vôlei Masculino - 30 de outubro a 4 de novembro

  • Maique Reis - Líbero

Basquete - 31 de outubro a 4 de novembro

  • Danilo Fuzaro - Ala

  • Franco Baralle - Armador (Argentina)

Ginástica de Trampolim - 3 a 4 de novembro

  • Rayan Castro - Ginasta

  • Alice Gomes - Ginasta

  • Alexandro Rungue - Técnico

Jornalista formado na PUC Minas. Experiência com reportagens, apresentação e edição de texto em televisão, rádio e web. Vivência em editorias de Cidades e Esportes.
Leonardo Parrela é repórter multimídia na área de esportes na Itatiaia. É formado em Jornalismo pela PUC Minas. Antes da Itatiaia, colaborou com Globo Esporte, UOL Esporte e Hoje Em Dia, onde cobriu Copa do Mundo, Olimpíada e grandes eventos.
Leia mais