Ouça a rádio

Compartilhe

Vôlei: Zé Roberto Guimarães enaltece nova safra da seleção após vitória sobre a China 

Com o triunfo sobre as chinesas, o Brasil ficou perto de se garantir na fase final da Liga das Nações 

O treinador seleção elogiou o desempenho de suas comandadas

 "Foi uma vitória importante para essa nova geração. Um jogo difícil como sempre são as partidas entre Brasil e China. Abrimos dois a zero e depois paramos de ter eficiência no saque e na defesa."

Assim o técnico da seleção brasileira de vôlei, José Roberto Guimarães, definiu a vitória desta terça-feira (28), que praticamente garantiu o Brasil na fase final da Liga das Nações. De acordo com ele, a prioridade agora, depois de superar um grande rival, é manter o foco.

"O importante foi a nossa recuperação no quinto set. Continuamos a nossa trajetória e vamos pensar na partida contra a Coreia do Sul", completou.

No jogo contra a China, o Brasil venceu os dois primeiros sets, mas caiu de rendimento e permitiu o empate. Só no quinto set a vitória por 3 a 2 foi definida.

Maior pontuadora do duelo, a capitã Gabi mostrou a sua versatilidade em quadra. A ponteira fez 24 pontos de ataque, dois de bloqueio e ainda um de saque. Líder do time, ele valorizou o triunfo sobre as chinesas.

"Sabíamos que seríamos um jogo difícil. Começamos muito bem pressionando no saque, que é nossa característica. No terceiro e no quarto sets cometemos alguns erros e a China cresceu. No quinto set, fomos com uma mentalidade diferente e fiquei muito feliz com a postura do time", disse.

O histórico da partida, segundo a ponteira, colocou o time em xeque e a resposta foi a melhor possível. "Não é fácil voltar para a partida depois de perder dois sets consecutivos. Sacamos melhor, defendemos bem e o nosso sistema de saque e bloqueio foi mais eficiente. Temos que seguir com esse crescimento gradativo para conseguir nossa classificação na melhor posição possível", comentou Gabi.

Quem também brilhou em quadra foi a oposta Kisy. Autora de 24 pontos, ela acha que o time está crescendo no momento certo. "Demos um passo importante na competição com essa vitória. Foi um jogo decidido no detalhe", afirmou.

A vitória sobre um adversário poderoso como a China, no entanto, serve também para deixar o time em alerta, principalmente nos dois sets em que acabou superado. Para a líbero Natinha, a seleção feminina precisa tirar lições da partida desta terça. "Sabemos que ainda precisamos melhorar. Vencemos um adversário direto na classificação e temos de seguir com o mesmo foco."

A seleção brasileira volta a entrar em ação na Liga dos Campões nesta quinta às 14h (horário de Brasília). O adversário é a Coreia do Sul, que ainda não venceu no torneio e ocupa a lanterna da competição

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store