Ouça a rádio

Compartilhe

Atlético: Rodrigo Caetano revela bastidores da saída de Godín

Pelo Galo, Godín fez nove jogos e marcou um gol; passagem foi marcada por lesões 

Godín rescindiu amigavelmente com o Galo após ficar cinco meses no clube

O diretor de futebol do Atlético, Rodrigo Caetano, revelou os detalhes sobre a saída do zagueiro Godín, de 36 anos, que rescindiu amigavelmente com o Galo e acertou com o Vélez Sarsfield, da Argentina, na última terça-feira (21). Segundo o dirigente, o defensor uruguaio pediu para deixar o clube visando ganhar ritmo antes da Copa do Mundo no Catar.

Conforme Rodrigo Caetano, durante as negociações com Godín, as conversas com o staff de Jemerson, revelado nas categorias de base do Atlético, avançaram. Com isso, o zagueiro foi contratado para substituir o capitão da Seleção Uruguaia.

“O Godín tem um Mundial [pela frente] e nos procurou. Paralelamente a isso, desde o ano passado, eu já vinha conversando com o Jemerson e com o agente dele. Coincidiram as coisas e a gente fez no mesmo momento. Sai um grande jogador e chega outro que já tem uma história aqui quando mais jovem e que ficará mais tempo conosco”, pontuou o diretor de futebol.

A passagem de Godín pelo Galo durou cinco meses e, ao longo do período, marcado por lesões, o zagueiro fez nove partidas e marcou um gol.

Na entrevista, Caetano também comentou sobre quando o atacante Alan Kardec poderá estrear, avaliou o trabalho de Turco e falou sobre a sua própria renovação com o Galo.

Confira o que disse Rodrigo Caetano sobre Godín e Jemerson:

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store