Ouça a rádio

Compartilhe

Stephen Curry dá show, Golden State Warriors bate Boston Celtics e iguala final da NBA

Com vitória no TD Garden, Warriors empatam duelo em 2 a 2

Stephen Curry marcou 43 pontos na vitória dos Warriors contra os Celtics no jogo 4 da final da NBA

Stephen Curry exibiu todas as suas habilidades para carregar o Golden State Warriors à vitória sobre o Boston Celtics, no TD Garden, nesta sexta-feira, pelo jogo 4 da final da NBA, por 107 a 97. Os donos da casa foram mal no quarto período, não conseguiram efetivar o favoritismo diante de seus torcedores e viram os rivais igualarem a série em 2 a 2. O quinto duelo acontece na segunda-feira, às 22h, no Chase Center, em San Francisco.

O confronto novamente provou características antagônicas das duas equipes. Enquanto o Boston aposta na consistência, o Golden State vive da genialidade de seu astro Stephen Curry, cestinha da partida, com incríveis 43 pontos. Os Celtics se mostram como uma equipe mais coletiva, já os Warriors ficam muitas vezes limitados às individualidades. Nesta noite, o talento de Curry falou mais alto.

O roteiro do Jogo 4 parecia repetir o encontro de quarta-feira. Sob o comando de Jayson Tatum, o Boston Celtics começou avassalador, conseguindo boa margem de pontos, mas o Golden State Warriors reagiu e chegou a igualar o placar. O relaxamento dos donos da casa custou caro. Curry com duas bolas de 3 seguidas colocou a franquia de San Francisco em vantagem. Os minutos finais deram amostras do equilíbrio, com a equipe de Massachusetts retomando o marcador favorável: 28 a 27.

No segundo quarto, o Golden State Warriors voltou a mostrar suas armas. A eficácia de Curry e Poole se sobressaíram, e o Boston, apesar de consistente defensivamente - com destaque para os tocos de Robert Williams - e com muita gana não conseguia manter o ritmo. Equilíbrio era a palavra de ordem, até que os Celtics emplacaram uma sequência de pontos e ficaram com o marcador mais folgado ao fim do primeiro tempo: 26 a 22.

O Golden State Warriors cometeu inúmeros erros no começo do terceiro período e deu brecha para os donos da casa crescerem emocionalmente no jogo. A insistência em cestas de 3 reduzia as chances da franquia de San Francisco obter uma vitória. À essa altura, Tatum, Smart, Brown e White já somavam mais de dez pontos cada para os Celtics. Com Klay Thompson apagado, Curry era a única saída dos Warriors e foi graças a ele que os Warriors venceram o terceiro quarto por 30 a 24 e tomaram a dianteira no placar.

No último período, a ansiedade das duas equipes prejudicou a eficiência e inflamou o ambiente no TD Garden. Brown reavivou as esperanças dos Celtics em uma roubada de bola por passe errado de Curry. A partida seguia eletrizante, com viradas e lances que levantavam o público. Mas Curry roubou a cena novamente e conduziu seu time à vitória no quarto quarto, por 28 a 19 e no jogo. O resultado obriga a realização de ao menos mais dois jogos para definir o campeão da temporada.


Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido