Ouça a rádio

Compartilhe

Edenilson muda nome no Instagram para 'Macaco' após laudo não confirmar injúria em partida contra o Corinthians

Meia do Internacional acusou Rafael Ramos, do Corinthians, de chamá-lo de "macaco" em jogo pelo Brasileirão

Denúncia foi feita pelo jogador Colorado no jogo contra o Corinthians, no dia 14 de maio

A Polícia Civil de Porto Alegre recebeu, nesta quarta-feira (8), o laudo do Instituto-Geral de Perícias sobre o suposto caso de injúria racial envolvendo Rafael Ramos, do Corinthians, e Edenilson, do Internacional. No dia 14 de maio, durante jogo entre as equipes, o meia do Colorado acusou o jogador rival de tê-lo chamado de "macaco".

O laudo, entretanto, indica que não é possível identificar que o jogador do Corinthians tenha dito a palavra. Sendo assim, avaliação técnica foi "inconclusiva".

Após a repercussão do documento, Edenilson foi às redes sociais para se manifestar. O meia apagou todas as fotos do Instagram, e mudou o nome na descrição para "Macaco Edenílson Andrade dos Santos".

"Não iriam nos calar? Já nos calaram. Se ofendidos, aceitem. Finjam que não escutaram. É uma luta desleal. É uma luta INCONCLUSIVA!", criticou o jogador do Inter.

A polícia gaúcha garante que todas as imagens disponíveis passaram por tratamento e perícia, sendo analisadas em alta qualidade e frame a frame. Mesmo assim, nem a leitura labial pôde confirmar a injúria, segundo a decisão.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido