Ouça a rádio

Compartilhe

Ex-técnico Vanderlei Luxemburgo é substituído pelo PSB e fica fora da disputa ao Senado

Ex-técnico do Atlético e do Cruzeiro havia decidido sair do futebol e entrar na política 

Vanderlei Luxemburgo

O diretório estadual do PSB em Tocantins retirou nesta sexta-feira (5) a candidatura ao Senado do ex-técnico de futebol Vanderlei Luxemburgo.

Os socialistas não aprovaram o nome de Luxemburgo na convenção do partido e escolheram indicar para disputa do Senado o ex-prefeito de Palmas, Carlos Amastha. 

A reunião do PSB teve clima tenso e Luxemburgo acusou o ex-prefeito de Palmas de “traidor” e disse que vai entrar na Justiça pedindo a invalidação da convenção.

Ao deixar o local da convenção, Luxemburgo deu entrevista ao jornalista Cléber Toledo, e afirmou que a definição do partido foi ilegítima. "Foi a coisa mais feia que já vi: ditatorial, truculenta, violenta e irresponsável", afirmou o ex-treinador.



Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store