Ouça a rádio

Compartilhe

Montador de cortinas é executado ao sair de festa no bairro Carlos Prates, região Noroeste de Belo Horizonte 

Homem não tinha passagens pela polícia, mas teria se envolvido em uma briga recentemente 

Crime ocorreu próximo à escadaria, no bairro Carlos Prates

A polícia procura a dupla suspeita de assassinar um homem de 37 anos no bairro Carlos Prates, região Noroeste de Belo Horizonte, na noite desse domingo (10), em um local conhecido como Buraco do Peru C.

De acordo com a Polícia Militar (PM), Gilmar Pereira Rabelo foi executado com vários tiros no rosto e no peito na porta de casa, em uma escadaria que fica no final da rua Prados. Ele estava em uma festa de aniversário e foi assassinado por dois homens. Testemunhas contaram à polícia que os criminosos usaram uma PT e uma submetralhadora de fabricação caseira.

Conforme vizinhos, a vítima trabalhava com montagem de cortinas e morava com um dos filhos, menor de idade. Um morador, que não será identificado, diz ter acordado com o barulho dos tiros e garante que a região é tranquila.

“Minha esposa me acordou apavorada. E a gente, quando abriu o portão, se deparou com essa situação” diz. O vizinho informa ainda não saber de envolvimento de Gilmar com o crime. “A única coisa que eu sei é que ele mexe com costura, mexe com cortina. Só isso”, completou o morador.

“Nessa parte aqui da comunidade a gente não está acostumado com isso. Então, a gente fica meio apavorado. Mas a gente vai ter que relevar porque a humanidade está caminhando pra isso mesmo: um comendo o outro, mordendo o outro".

De acordo com a PM, Gilmar não tinha passagens pela polícia. No entanto, uma testemunha informou à polícia que, recentemente, ele se envolveu em uma briga durante uma festa junina na rua Porto Alegre, no mesmo bairro.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store