Ouça a rádio

Compartilhe

Preço da gasolina caiu 3% nos postos de Minas Gerais na última semana

Levantamento da ANP mostra que preços devem cair mais com medidas anunciadas pelo governo

Redução no preço dos combustíveis ainda não chegou nos postos de Minas Gerais

As recentes medidas tomadas pelo governo federal e o Congresso para diminuir o preço dos combustíveis nos postos ainda não atingiram o efeito desejado em Minas Gerais. Levantamento da Agência Nacional do Petróleo (ANP), em mais de 500 estabelecimentos espalhados pelo estado, mostra que, na última semana, os preços variaram 3% para baixo, na comparação com a semana anterior.

Embora seja possível encontrar postos cobrando menos de R$ 7,00 no litro da gasolina comum na capital mineira, em todo o estado, o preço médio do combustível na última semana (entre os dias 26 de junho e 2 de julho) ficou em R$ 7,385. Na semana anterior, entre 19 e 25 de junho, o preço médio da gasolina comum era de R$ 7,614.

Na última semana, entrou em vigor a isenção da cobrança do PIS/Cofins e Cide, impostos federais, para a gasolina. Na última sexta-feira (1º), o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), confirmou ter assinado decreto estadual que reduz o ICMS da gasolina de 31% para 18%. No entanto, os efeitos dessa redução ainda não chegaram para o consumidor.

O decreto também prevê diminuição do imposto para telecomunicações, energia elétrica e transporte público.

Preço da gasolina é o menor das últimas semanas

Preço em queda

Dados da ANP mostram que o preço da gasolina, ainda elevados, vinham mantendo uma tendência de queda desde o final de abril. A exceção, como mostra o gráfico acima, ocorreu no final de junho, quando a Petrobras anunciou novo reajuste no preço dos combustíveis.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store