Ouça a rádio

Compartilhe

Vizinha obriga meninas a fazer vídeo nuas e a introduzir objetos nas partes íntimas, em Belo Horizonte 

Ocorrência foi registrada na Vila Buracão, bairro São Tomaz, região Norte da capital 

Adolescentes foram levadas para o hospital Odilon Behrens

Três adolescentes foram obrigadas por uma mulher que usa tornozeleira eletrônica a participar de uma chamada de vídeo com um homem e a introduzir objetos nas partes íntimas. A ocorrência foi registrada na Vila Buracão, bairro São Tomaz, região Norte de Belo Horizonte, nessa sexta-feira (1º).

Militares do Grupo Especializado de Policiamento em Áreas de Risco (Gepar) receberam uma denúncia de abusos sexuais contra três adolescentes de apenas 12 anos.

Conforme a Polícia Militar (PM), as meninas foram chamadas pela vizinha que usa tornozeleira eletrônica para um lanche na casa dela. Em determinado momento, a mulher falou que um amigo queria pagar R$ 1 mil para cada adolescente em troca da chamada de vídeo. As meninas teriam que ficar nuas e introduzir objetos no órgão genital.

As meninas não aceitaram, mas, de acordo com a polícia, a mulher ligou novamente para o homem em viva voz e ele ameaçou as adolescentes. Acuadas, as jovens fizeram a vídeo chamada e cumpriram todas as ordens do abusador e da vizinha.

Os militares encontraram as três vítimas, mas a vizinha e o homem são procurados.

As adolescentes foram levadas para o hospital Odilon Behrens, onde passaram por exames.

A Polícia Civil irá assumir o caso.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store