Ouça a rádio

Compartilhe

PBH convoca pediatras e reativa teleatendimento para reduzir espera de pacientes 

Agora, responsáveis por crianças e adolescentes podem agendar consulta no site da PBH e receber atendimento online 

Cláudia Navarro é secretária municipal de Saúde

Médicos pediatras aprovados em concurso público estão sendo convocados pela Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) para suprir a alta demanda de atendimentos nesta época do ano. A informação é da secretária municipal de Saúde, Cláudia Navarro, em entrevista à Itatiaia nesta quinta-feira (23). 

“Chamamos os aprovados no concurso, estamos facilitando a contratação, tentando diminuir o máximo possível a burocracia para conseguir contratar médicos que não são da rede e oferecendo plantões extras para aqueles pediatras que estão na rede. Tenho conversado com os pediatras”, destacou.

De acordo com a secretária, o crescimento em número de pacientes ocorre por causa do aumento de casos de doenças respiratórias, comuns nesta época, e, como os centros de saúde não funcionam aos fins de semana, as Unidades de Pronto Atendimento (UPA) acabam sendo sobrecarregadas. 

“Com isso, crianças, que às vezes poderiam ser atendidas e ter o problema resolvido em uma unidade básica, elas acabam procurando a UPA, porque elas querem atendimento, elas estão certas, mas elas irão aumentar muito a demanda”, explicou. 

Por este motivo, o teleatendimento agora também atende crianças e adolescentes com o objetivo de desafogar as UPAs e Centros de Saúde de Apoio (CSAAP), criado há 12 dias para suprir a demanda aos finais de semana. No entanto, neste momento, ele é voltado apenas para casos respiratórios. 

Segundo Cláudia Navarro, o teleatendimento, que pode ser agendado no site da PBH, realiza, em média, 150 atendimentos por dia, sendo 100 adultos e 50 pediátricos. Conforme ela, “os médicos estão em quatro locais específicos”. 

Centros de Saúde de Apoio (CSAAP)

Conforme a secretária, na primeira semana de funcionamento foram abertos cinco Centros de Saúde de Apoio no sábado e cinco no domingo. Na segunda semana, o número aumentou aos sábados passando para 8 atendimentos.

Apenas no último final de semana, de acordo com ela, 412 atendimentos foram realizados. “É uma situação que está difícil não só no no serviço público, mas também no privado e em todo o país. Eu tenho que aproveitar essa oportunidade pra agradecer os pediatras. Eles estão se desdobrando. Eles estão muitas vezes trabalhando sob pressão, porque plantão, que teria três pediatras, às vezes tem só um ou tem escala que eles nem teriam com quem dividir aquilo”, explicou. 


Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido